RADAR PARAUAPEBAS: Saiba o que é notícia na Capital do Minério neste início de semana

“Nevou no Pebinha!”, dizia uma entusiasmada e apocalíptica leitora do Blog nas redes sociais, ao contemplar os enfeites natalinos que a prefeitura mandou preparar no paço municipal e que estão “bombando” por atrair turistas e curiosos para ver “neve” na cidade que dá 40º na sombra
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

PUBLICIDADE OFICIAL

Era prevista para hoje (20) a concorrência pelos R$ 19,635 milhões da publicidade oficial do governo de Darci Lermen, em que até duas agências poderão ser contratadas. A conferência das propostas comerciais promete bastante emoção, já que o “pacote” a ser comandado pela vencedora da licitação é maior que a arrecadação anual inteira de 450 prefeituras brasileiras. Na semana que vem, dia 28, serão escolhidos três profissionais atuantes na área da comunicação que devem compor a subcomissão técnica que vai julgar as propostas que integram o plano de comunicação publicitária a ser apresentado pelas agências de olho no calhamaço de dinheiro.

ATRAÇÃO TURÍSTICA

A Prefeitura de Parauapebas virou uma verdadeira atração turística nesta época natalina. Com o prédio todo enfeitado e “frio”, uma multidão correu para as dependências do paço municipal “curiar” a novidade do século: “neve” na cidade onde, no auge do verão, faz quase 40 graus e no resto do ano até o ar da central fumega. Nas redes sociais, a assunto “neve em Parauapebas” é um dos mais comentados dos últimos dias. Com o zum-zum-zum, muita gente correu para as lojas e comprou até casacos de lã para ir à prefeitura apreciar o clima de neve. As lojas agradecem. Os mais exagerados visitantes noturnos da prefeitura mentem que, por lá, está mais frio que em Gramado (RS). Aviso aos curiosos: quem quiser ver a neve de Parauapebas poderá fazê-lo até depois de amanhã (22), pois a vila do Papai Noel vai funcionar até quarta.

EXCESSO DE RECEITA

Maior corre-corre no gabinete do prefeito neste início de semana: Darci mandou pedir à Câmara, às pressas, autorização para abertura de suplementação de R$ 168,3 milhões ao orçamento vigente. O pedido, em forma de projeto de lei, será votado hoje (20). É que faltou dinheiro para cobrir despesas com pessoal e encargos, mas sobrou em outras áreas da administração. Em verdade, é apenas um pedido formal para um “tira daqui, manda para ali”, já que questões orçamentárias precisam do aval do Legislativo para ter efeito e hoje acontece a última sessão do ano. De acordo com mensagem do prefeito ao parlamento, a fonte para cobertura do crédito adicional será efetivada por meio do “excesso de arrecadação apurado no exercício corrente, que se mantém em crescente otimização, portanto, não afetando as metas inicialmente programadas”.

DADOS GERAIS DA RAIS

Você sabia? Parauapebas foi o 9º município brasileiro que mais gerou empregos formais na pandemia. Os dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) de 2020 acabam de sair do forno e são mais amplos que os do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Enquanto o Caged computa apenas empregos com registro em carteira, a Rais pega estes e, também, os vínculos celebrados junto à administração pública, como admissões por concurso e contratos temporários. Embalado nas obras do Prosap, nas operações das minas de Carajás e nas contratações de servidores da prefeitura, Parauapebas cravou 8.191 novas pessoas assalariadas ano passado.

DADOS GERAIS DA RAIS (2)

O Blog do Zé Dudu apurou que, pela primeira vez, a remuneração recebida pelas mulheres ultrapassou a dos homens na Capital do Minério. Um trabalhador médio recebe R$ 3.424 em Parauapebas, mas entre as mulheres a média é de R$ 3.434, enquanto entre os homens é de R$ 3.419. Por outro lado, elas ainda são minoria: menos da metade do total de homens no batente. Parauapebas tem 17,9 mil trabalhadores do sexo feminino, mas 42 mil do sexo masculino, totalizando 59,9 mil.

COVID-19

Nos últimos sete dias (13/12 a 19/12) foram contabilizados 133 novos casos, com quatro mortes registradas; não houve atualização do boletim por parte da prefeitura neste domingo (19). No total, Parauapebas já tem 57.548 casos de pacientes infectados pelo vírus, além de 503 óbitos registrados. Já são 56.690 os recuperados pelo sistema de saúde local. A taxa geral de ocupação de leitos no município (atualizada às 14h09 deste sábado) está em 30%, sendo que leitos de enfermaria SUS: 36%; UTI SUS: 14%; enfermarias particulares: 11%; UTI particular: 0%. O atendimento exclusivo para pacientes portadores do vírus acontece no Centro Especializado de Atendimento de Covid-19, anexo ao Hospital Geral de Parauapebas.