Preso homem que cometeu homicídio na Serra do Cedro no ano passado

Ele caminhava tranquilamente pelo Bairro Tropical quando foi reconhecido. Detido por populares, foi entregue à Guarda Municipal que o levou para a DP
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

A Guarda Municipal entregou na noite de ontem, domingo (17), na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil, em Parauapebas, Antônio Barbosa, que confessou ter matado a tiros, em 23 de julho do ano passado, Edson da Silva Souza, 42 anos, conhecido como “José Velho”, na zona rural. Barbosa estava foragido desde a época do crime e foi reconhecido pelo dono da terra em que aconteceu o homicídio, quando caminhava tranquilamente pelo Bairro Tropical.

O homem abordou Antônio e o deteve com a ajuda de populares, até que a Guarda Municipal chegasse para levá-lo à Polícia Civil, onde ele confessou o assassinato na presença do delegado Nelson Alves Júnior. Na manhã desta segunda-feira, Antônio Barbosa deve passar por audiência de custódia no Fórum local.

Maria de Fátima Souza, mãe de “José Velho” se disse aliviada com a prisão do matador do filho dela e afirmou que agora espera que a Justiça seja feita. Contou que Edson era pessoa de paz, muito trabalhador e jamais tentaria roubar nada de alguém, uma vez que Barbosa alegou que matou a vítima porque esta havia roubado uma porquinha dele a e ainda p ameaçado. 

O crime aconteceu na manhã de 23 de julho do ano passado, na localidade Serra do Cedro, entre as vilas Palmares Sul e Palmares II, em Parauapebas, e teve grande repercussão na localidade. Edson foi atraído ao local do crime por Barbosa que, inclusive, o matou pelas costas.

(Caetano Silva)

Publicidade

Relacionados