Prefeitura de Tucuruí vai instalar lâmpadas de LED na cidade

Governo do município diz que, pela experiência de mil luminárias já ativas na área urbana, a economia é considerável. Atual sistema, de lâmpadas de vapor de sódio, é menos econômico.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A administração de Artur Brito contratou no apagar das luzes de 2019 uma empresa de manutenção elétrica para instalação de luminárias de LED na rede de iluminação pública do município de Tucuruí, um dos mais importantes do Pará. O prefeito autorizou uma adesão à ata de registro de preços de uma licitação realizada pela Prefeitura de Redenção e fechou contrato com a empresa MM LED pelo valor de R$ 2.812.500,00. Nesse pacote já está incluída a mão de obra para retirada das luminárias antigas e instalação de novas.

As justificativas para o procedimento são inúmeras. Em primeiro lugar, a Prefeitura de Tucuruí diz que a iluminação pública é “necessidade básica para o bom funcionamento de uma cidade e essencial para o aumento da qualidade de vida das pessoas” e que permite o reconhecimento dos espaços públicos e dos trajetos à noite, com segurança. Depois, a colocação das luminárias trará vantagens econômicas, considerando-se as mil lâmpadas do tipo já instaladas na cidade, que ajudaram a derrubar o consumo energético atual.

De acordo com o governo local, Tucuruí tem um parque de lâmpadas da iluminação pública composto por 13.500 unidades. A vida útil do sistema de LED é mais longa se comparada à forma tradicional de iluminação, e a economia pode superar 70% aos cofres da administração do município, que alega que, com o sistema atual de vapor de sódio a prefeitura não consegue arrecadar sequer o suficiente em taxas de iluminação pública para quitar o faturamento de consumo.

Publicidade