Parauapebas: produtores rurais aprendem sobre ferramentas de controles financeiros

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

_MG_4907Com a proposta de proporcionar mais conhecimento e visando um melhor gerenciamento da renda em propriedade rural, a Prefeitura de Parauapebas através da Secretaria Municipal de Produção Rural (Sempror), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) ofereceu para os produtores rurais, no período de 23 a 27 de novembro, a oficina  “Como controlar meu dinheiro no campo”.

A iniciativa aconteceu em todas as sete regiões da zona rural do município.  De acordo com o consultor do Sebrae, Roberto Pacheco, a proposta  vem de encontro com à necessidade do produtor rural de controlar o seu dinheiro. São ferramentas de controles financeiros, como: controle de caixa, contas a pagar e receber e ainda caixa futuro.

“Por menor que seja sua propriedade é uma atividade. As ferramentas que estamos mostrando são para saber fazer um controle de caixa, registrar a renda da propriedade. Com os lançamentos do dia a dia, o produtor saberá qual o resultado do mês. São ferramentas simples, que proporcionarão um grande resultado, com ele, o produtor saberá o melhor investimento e a hora de reduzir custos”, explicou o consultor.

Para os produtores, a oficina chegou em boa hora e vai ajudar no gerenciamento de suas atividades. “Administrar dinheiro é muito difícil. Na agricultura não temos esse controle. Esse curso com certeza vai me ajudar na organização, do dinheiro que entra e saí na propriedade. Espero colocar em prática tudo que aprendi e dessa maneira melhorar meus lucros”, declarou o produtor rural Erilvelton Botelho, da região do Cedere.

A produtora rural, Neuza de Araújo, com propriedade na VS 17, da comunidade Santo Antônio na região do Cedere, ficou muito satisfeita com o conhecimento adquirido. “Aprendi muito, será uma boa ajuda nos negócios. Eu não tenho nenhum tipo de controle. A partir de agora terei como saber se gasto mais, do lucro com minhas atividades. Vou começar a  fazer meu controle de caixa”, comentou a Neuza.

O secretário de Produção Rural, Horácio Martins, esteve na abertura da oficina e falou da importância da capacitação para a área rural. “Precisamos acompanhar as novas formas de gerenciamento através de ferramentas acessíveis ao produtor rural. Esse é mais um incentivo que o  governo municipal oferece para o produtor e vamos continuar buscando maneiras  de contribuir com o desenvolvimento da agricultura familiar do município”, disse o secretário. (Ascom)

Publicidade