Parauapebas: Pastoral da AIDS realiza Encontro de Formação para voluntários e colaboradores

O encontro vai ser realizado neste domingo (28), na Igreja São Benedito, da Paróquia Cristos Rei, no Bairro dos Minérios
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Pastoral da AIDS realiza neste domingo (28), em Parauapebas, o Encontro de Formação para voluntários e colaboradores da entidade, que é ligada a Igreja Católica. O encontro acontece de 8h às 18h, na Igreja São Benedito, da Paróquia Cristo Rei, no Bairro dos Minérios.

O evento, que precede as comemorações pelo Dia Mundial de Luta contra a AIDS, celebrado dia 1º de Dezembro, que abre a Campanha Dezembro Vermelho, que visa o combate e a prevenção do HIV/AIDS, é realizado pela Diocese de Marabá. De acordo com Ana Lúcia Sousa Silva, da Pastoral da AIDS de Parauapebas, esse encontro é extremamente significativo para os voluntários da pastoral e também para as pessoas assistidas pela entidade.

Ela ressalta que desde o início da pandemia que os voluntários e colaboradores não se reuniam para fazer essa formação, que é muito importante para todos.   “Tentamos nos reunir em 2020, mas não deu, por conta da pandeia e também nossos trabalhos que, devido ao distanciamento social, reduziram bastante. Agora, com a vacina avançando na imunização da população, decidimos retomar esse trabalho e, nada mais interessante do que retomar, fazendo o encontro de formação com os voluntários, agentes e também pessoas que têm interesse e são entusiastas da Pastoral da AIDS e querem conhecer o nosso trabalho”, destaca Ana Lúcia.

Segundo ela, o encontro deve reunir cerca de 25 pessoas nessa formação, que vai contar com a presença do Coordenador Regional da Pastoral da AIDS, da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Francisco Araújo, que virá de Belém para prestigiar o evento em Parauapebas. “Ele vai passar formação para a gente e vamos estudar juntos, adquirindo mais conhecimento para fazer melhor o nosso trabalho, que recomeça a partir do início do ano que vem”, ressalta Ana.

Ela enfatiza que esse encontro é uma necessidade, até para motivar os voluntários na retomadas dos trabalhos. “Vamos, com certeza, adquirir mais conhecimento, porque agora tudo mudou. As abordagens serão diferentes e, por isso, resolvemos fazer esse encontro para nos aperfeiçoar e, ao mesmo tempo, nos confraternizar, após o distanciamento social devido à pandemia”, pontua Ana.

Programação do encontro começa às 8h, com um café da manhã partilhado, seguido de momento de descontração e logo na sequência a abertura. Às 9h10, começa o “Estudo do guia do agente”, com Francisco Araújo, coordenador Regional da Pastoral da AIDS. ÀS 10H30 haverá um intervalo, com retorno às 10h45 com uma abordagem sobre a “Pastoral da AIDS e a prevenção”, com Ana Lucia e profissionais do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA). Às 12h30 será servido o almoço.

As atividades retornam às 13h30, com a palestra sobre “Pastoral da AIDS e a Sinodalidade”, proferida por Francisco Araújo. Às 15h45 haverá novo intervalo, com a programação voltando às 16h, com momentos de “Reflexões” com o padre Juliano. Às 18h serão feitas as considerações finais e encerramento do evento.

Tina DeBord