Palestina do Pará: Emater auxilia agricultores a receberem recursos do Pronaf

O crédito rural favorece a aquisição de insumos e realização de investimentos que garantem aumento da produtividade dos agricultores
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Com apoio da Emater, agricultores foram contemplados com créditos do Pronaf

Continua depois da publicidade

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater-PA) auxiliou agricultores de Palestina do Pará, no sudeste do estado, a receber crédito do Programa Nacional de Fortalecimento a Agricultura Familiar (Pronaf). O recurso favorece a aquisição de insumos e realização de investimentos que garantem aumento da produtividade dos agricultores.

Segundo o chefe do escritório local da Emater, engenheiro agrônomo Edynando Fagerio dos Santos Lima, foram contratados, através da agência Banco da Amazônia de Marabá, um financiamento, na Linha Mais Alimentos, de R$ 90.370,00, para o produtor Márcio Pinto; um na Linha A, de R$ 30.969,68, para o produtor José Edilson Benevides. Ambos pertencem ao PA Angical, distante 20 km da sede do município.

“Com esses recursos, os produtores irão fazer a aquisição de matrizes bovinas para incremento da cadeia leiteira, aumentando a produtividade em 40% após 12 meses”, ressalta Fagerio.

Ele destaca que também foram contratados dois financiamentos na linha Custeio, através da plataforma Basa Digital, para Jares do Carmo e Leomar Ferreira de Araújo, sendo R$ 24.422,25 para cada, para aquisição de bezerros para o investimento na bovinocultura de corte, com a expectativa de aumentar em até 30% a receita econômica dos produtores. Para Leomar, o recurso vai melhorar seus negócios e, consequentemente, a qualidade de vida da sua família.

 “Esse recurso conseguido com a assistência da Emater vai ajudar a melhorar a qualidade da minha atividade, ampliar a estrutura da propriedade e, com isso, vai melhorar o bem-estar da minha família”, projeta o agricultor, que também cultiva mandioca, milho, banana e outras culturas de subsistência e é assistido pela Emater há mais de 10 anos.

Aniversário

A Emater também foi parceira da Prefeitura de Palestina do Pará na realização da Feira da Agricultura, que foi reaberta nesta quinta-feira (9), após oito meses de paralisação em decorrência da pandemia. A feira, que mobilizou 35 expositores atendidos pelo órgão estadual e ainda outros de segmentos não-agrícolas, faz parte das celebrações alusivas ao aniversário de Palestina do Pará, que faz 30 anos de emancipação política-administrativa na próxima segunda-feira (13).

No município, que pertencia a Brejo Grande do Araguaia, a Emater assiste 125 famílias de 10 comunidades, tendo como atividade principal a bovinocultura de leite, realizando cerca de 45 atendimentos ao mês. Durante a abertura da feira, foi assinado o Termo de Cooperação Técnica entre a Prefeitura e a mineradora Globo Verde para a doação de 200 toneladas de calcário destinadas ao preparo e correção do solo de agricultores familiares com o acompanhamento e assistência do engenheiro agrônomo da Emater, para impulsionar a produtividade de lavouras em até 40%.

Também foram doadas mudas de açaí e firmada parceria entre a prefeitura e a Emater para o fortalecimento das ações de Ater no munícipio. “Foram doadas 4 mil mudas de açaí oriundas do viveiro que é desenvolvido através da parceria entre Emater e as secretarias municipais de Agricultura e de Meio Ambiente para famílias agricultoras. Além disso, foi assinado o Termo de Cooperação Técnica entre a Prefeitura e a Emater para o fortalecimento das ações de Ater no munícipio”, ressaltou o chefe do escritório da Emater em Palestina do Pará.

Tina DeBord- com informações da Emater