Parauapebas

Governo Darci começa a disparar obras programadas desde início de gestão

Quase R$ 6 milhões serão investidos em pontes, reforma da Mahatma Gandhi e contenção de talude ao longo da PA-275. Ações miram melhorias em tráfego, segurança, convivência e urbanização.

Se depender de publicação no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (20), em poucos meses Parauapebas vai se transformar num grande canteiros de obras. O Blog do Zé Dudu folheou na manhã de hoje as 99 páginas do DOE e constatou que ao menos três obras vão movimentar o cenário urbanístico e dar condições de tráfego na área urbana. Além disso, devem gerar ao menos 500 postos de trabalho no setor da construção civil durante a etapa de execução.

A primeira — e mais antiga entre as licitações que agora devem sair do papel — é a construção de pontes na área urbana. O processo, iniciado em 2017, ficou parado por demanda judicial por parte de uma das empresas concorrentes, mas conseguiu ser destravado este ano. E já tem até vencedor: foi a construtora MM de Jesus, que topou tocar o serviço por R$ 3.674.700,44, proposta mais vantajosa para a Prefeitura de Parauapebas.

A licitação contempla a construção de meia dúzia de pontes na cidade de Parauapebas. Juntas elas somam cem metros de extensão. São uma ponte no Bairro Novo Brasil (de 18 metros), duas entre o Novo Brasil e o Amazônia (cada uma com 12 metros), uma entre o Bairro Ipiranga e o Vale do Sol (de 24 metros) e duas na PA-275 (ambas com 18 metros).

De acordo com o titular da Secretaria Municipal de Obras (Semob), Wanterlor Bandeira, a construção das pontes vai impactar positivamente o atendimento dos transportes coletivo e individual, “dando maior fluidez e praticidade nas atividades da população”. Ele acrescenta que a melhoria na mobilidade é de total interesse do governo, pois facilita o aperfeiçoamento profissional contínuo das pessoas, o lazer, o acesso a equipamentos de saúde, educação e cultura, entre outros.

Mahatma novinha em folha

Quem também será contemplada com investimentos é a lendária Praça Mahatma Gandhi. Esse espaço público, palco da juventude nas noites do complexo Cidade Nova, será alvo do maior tapa no visual da história, por R$ 1.334.921,40. A empresa responsável por faturar o contrato é a Norte Construção e Serviços. A reforma terá em torno de quatro meses de duração.

Para o secretário de Obras, a reforma do espaço trará mais segurança e vai garantir a convivência numa das áreas mais valorizadas de Parauapebas, que é o entorno da Praça Mahatma Gandhi, posicionada próxima à principal área comercial da cidade e de espaços onde são realizados festas e shows, como a Praça de Eventos e o Centro de Desenvolvimento Cultural (CDC).

Além disso, na próxima terça-feira (26) será feita a escolha da empresa que vai realizar o serviço de contenção de talude às margens da Rodovia PA-275. O valor estimado para a empreitada é de R$ 860.358,67. De acordo com Bandeira, a obra se justifica principalmente pelo risco de colapso da estrutura em razão do efeito erosivo das águas pluviais e da declividade elevada do talude.

Ainda em 2018, quando o estudo preliminar para consubstanciar a licitação foi feito, uma equipe técnica da Semob esteve no local e constatou que é de extrema urgência que se realize contenções em trechos do talude formado no maciço que suporta a pista de rolamento da PA-275. “Estamos focados em garantir segurança aos usuários dessa importante via de passagem, que é a PA-275”, esclareceu o secretário de Obras.

Um comentário em “Governo Darci começa a disparar obras programadas desde início de gestão

  1. Olimpio Responder

    Faltando menos de 2 anos para a eleição vai aparecer obras pra tudo q e lado as famosas obras eleitoreiras, enquanto isso o mar de corrupção corre a solta na capital do mineral

Deixe seu comentário