Foragido da Justiça preso tentando viajar clandestinamente em vagão de minério

O indivíduo tinha contra si um mandado de prisão preventiva expedido pelo Judiciário no estado do Amapá, onde é acusado de estupro de vulnerável e furto qualificado
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Felipe Gomes da Silva

Continua depois da publicidade

Policiais do 23° Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Parauapebas conduziram à 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil o foragido Felipe Gomes da Silva, 22. Contra ele havia um Mandado de Prisão Preventiva não cumprido, expedido pela Justiça do estado do Amapá. O preso é acusado de estupro de vulnerável e furto qualificado. 

Ele foi flagrado por vigilantes da segurança patrimonial da mineradora Vale, quando tentava embarcar clandestinamente em um trem de minério. O caso aconteceu por volta das 7h20 da manhã desta segunda-feira (10), na Estrada de Ferro Carajás. 

A guarnição policial militar foi chamada pelo Centro de Controle Operacional para dar apoio à equipe de vigilantes, que havia encontrado o indivíduo em um vagão de minério.

Porém, quando a guarnição averiguou o nome do preso no aplicativo do Sistema Nacional de Segurança Pública, foi constatado o mandado de prisão contra ele.

Felipe da Silva disse que estava morando na Vila Paulo Fonteles, na chácara de uma família, mas saiu de lá após divergências com os proprietários. Por isso, resolveu deixar a cidade. (Caetano Silva)

Publicidade