Fazendeiro que causou morte de motociclista deve se apresentar à polícia nesta segunda (17)

O acidente que aconteceu na Rodovia PA-275, além de matar o piloto da moto, resultou na fratura das duas pernas do irmão do morto, que está hospitalizado em estado grave
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
O carro envolvido no acidente

Continua depois da publicidade

Aldecir Simão Borges tinha 44 anos de idade

Deve se apresentar na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas, na próxima segunda-feira (17), na companhia de um advogado, o fazendeiro identificado até o momento pelo apelido de Piaba. Ele é acusado de ser o causador do acidente que acarretou na morte do motociclista Aldecir Simão Borges, 44 anos, ocorrido por volta das 6h30 da manhã deste sábado (15), na Rodovia PA-275, entre Parauapebas e Curionópolis. O acidente também vitimou Edinaldo Simão Borges, irmão do falecido, que saiu com as duas pernas fraturadas. 

Informações de testemunhas, repassadas à Polícia Rodoviária Estadual, dão conta de que os irmãos se dirigiam a Parauapebas e Piaba trafegava em sentido contrário. De repente, ele fez uma conversão à esquerda, com a intenção de entrar em uma vicinal próxima do acampamento Frei Henri, e bateu de frente na motocicleta. Aldecir Borges morreu na hora por conta da violência do choque

Em seguida, Piaba, além de não socorrer os irmãos, ainda teria escondido a caminhonete, uma Toyota Hilux, em uma estrada um quilômetro distante do local do acidente.

Edinaldo Simão Borges, irmão da vítima fatal, continua internado no Hospital Geral de Parauapebas e seu estado de saúde é grave. (Caetano Silva)

Publicidade