Ex-presidiário executado no Residencial Alto Bonito em Parauapebas

Alexandre da Conceição é o quarto jovem vítima de execução sumária nas últimas 48 horas na cidade. Nenhum matador foi identificado ou preso até o momento
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Por volta das 22h de ontem, quinta-feira (15), o ex-presidiário Alexandre Carvalho da Conceição, de 23 anos de idade, também conhecido como Xandi do 15, foi assassinado com dois tiros no peito. O matador e o motivo do crime ainda são desconhecidos. O homicídio ocorreu em um apartamento do bloco 12 do Residencial Alto Bonito, onde ele morava com a companheira Raquel Sousa.

Raquel contou para a polícia que se encontrava no quarto enquanto Alexandre da Conceição estava na sala assistindo TV. Alguém bateu na porta e ele abriu, sendo surpreendido pelo assassino que disparou seis vezes em sua direção. Porém, somente duas balas o atingiram. Alexandre morreu segundos depois.

Moradores de outros apartamentos dizem ter ouvidos os disparos e afirmam que viram o atirador sair tranquilamente por trás dos blocos. Porém ninguém conseguiu identificá-lo.

Alexandre da Conceição

Alexandre da Conceição já havia sido preso pela Polícia Civil várias vezes, acusado dos crimes de receptação, furto e tráfico. A polícia trabalha com as hipóteses de acerto de contas e briga entre facções criminosas, uma vez ele seria integrante de um desses grupos, do Bairro Liberdade, inimigo de outro que domina o Alto Bonito. A Polícia Civil solicita a quem souber quem é o criminoso, que ligue para o Disque Denúncia da PC 181 ou para (94) 99264 5348. O denunciante terá a identidade será preservada.

Quatro jovens mortos em 48h

Alexandre Carvalho da Conceição foi o quarto jovem executado em 48 horas, esta semana, em Parauapebas. Na quarta-feira (14) foram assassinados Victor Taynan Nunes Bastos, 18 anos de idade; Raimundo Nonato Peixoto, 22, e Leonardo de Jesus Oliveira, 22 anos.

(Caetano Silva)

Publicidade