Especulações norteiam as alianças políticas em Marabá

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

Não será surpresa, caso o PT venha a apoiar a coligação do deputado Tião Miranda (PTB) para prefeitura de Marabá. Conversas estão acontecendo neste sentido no Palácio Cabanagem entre parlamentares Tião Miranda e Dirceu tem Caten (PT).

Em Marabá o PT realizou sua convenção em uma espécie de encontro no qual entre outras coisas deliberou a executiva a decidir sobre o rumo do partido, que também recebeu convite para conversa com Jorge Bichara.

A resistência para apoiar o candidato do PMDB, Asdrúbal Bentes ou Cristina Mutran é forte e precisaria de uma intervenção do ministro Helder Barbalho. Há também uma resistência quanto ao apoio do PT à candidatura de Tião Miranda em virtude da forte ligação dele com governador Jatene.

João Salame, prefeito afastado sem a caneta está fraco e quase fora do jogo. O seu time de 15 partidos já perdeu 4 para Dr. Jorge Bichara, que caminha forte como uma terceira via.

Na rede do delegado da Polícia Federal Antonio Carlos Cunha (REDE) não caiu nenhum peixe até o momento.

Em sua página pessoal no Facebook, o prefeito interino Luiz Carlos Pies disse: “encerrado o Encontro Municipal do PT de Marabá que, por unanimidade, aprovou a chapa de 19 pré-candidatos (as) à Câmara Municipal. Destes, 7 são mulheres. Decidiu ainda que poderá ter uma das seguintes alternativas como tática eleitoral: 1) Lançar candidatura própria à prefeito; 2) Apoiar uma candidatura majoritária de outro partido; 3) Lançar apenas chapa de candidatos à Câmara Municipal. Ao final, o encontro delegou poderes à executiva municipal para continuar as articulações políticas com outros partidos, até a convenção que será realizada em 5 de agosto”.

Publicidade

Relacionados