Empresa quer Santos em torneio com dupla do Pará e Cosmos em janeiro

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

29-12-2014-11-12-06-empresa-quer-santos-em-torneio-com-dupla-do-para-e-cosmos-em-janeiro

A nova diretoria do Santos, que toma posse no dia 2 de janeiro, receberá convite para disputar a Copa Amazônia entre os dias 21/1 e 25/1, com dois jogos realizados no Mangueirão, em Belém (PA). Uma empresa sediada em Teresina (PI) afirma já ter conversado com o presidente Modesto Roma Júnior e, assim, faltariam apenas acertos legais para que a participação do Peixe seja confirmada já nos primeiros dias de 2015.

A ideia da empresa chamada “Rainha Turismo e Eventos” é ter o Santos na disputa ao lado do New York Cosmos, dos Estados Unidos, e dos dois maiores clubes do Pará, o Remo e o Paysandu. De acordo com Rivaldo Alves, proprietário da firma de eventos, o Remo já tem participação confirmada, o Paysandu deve assinar nesta segunda-feira e o Santos só depende da assinatura de Modesto para que a campanha publicitária envolvendo os jogos seja iniciada.

– O Santos acaba sendo bem legal nesse sentido de público, de jogadores badalados, e tem a ver também com a vinda do Cosmos, porque existe uma relação graças ao Pelé. É um evento muito bacana para a cidade. Belém merece ver seus dois principais clubes enfrentando gigantes do mundo. Só estamos esperando o ok dos outros três clubes para iniciar a divulgação – disse, ao LANCE!Net, o organizador da Copa Amazônia.

O torneio, realizado em parceria com a prefeitura de Belém, prevê quatro jogos no Mangueirão: no primeiro, dia 21, o Remo enfrenta Santos ou Cosmos – o adversário será definido por sorte. Já no dia 22 é a vez do Paysandu pegar quem não for sorteado para o primeiro embate. No dia 25 de janeiro de 2015, um domingo, os derrotados se enfrentaria em um embate preliminar e os vencedores duelariam na final no Mangueirão.

Todos os clubes receberão um cachê pela participação na Copa Amazônia, mas o valor será mantido em sigilo por contrato. De acordo com o “Diário do Pará”, no entanto, a cota gira em torno de R$ 400 mil para cada clube, além das despesas com traslado e hospedagem.

O valor é semelhante ao que o Santos recebeu por um amistoso contra o Vasco, em 2010. Na ocasião, a mesma “Rainha Turismo e Eventos” pagou pouco mais de R$ 300 mil para levar o Peixe a Teresina, onde foi derrotado por 1 a 0 no amistoso. O estádio Albertão recebeu bom público na ocasião, mas Santos e Vasco atuaram com times reservas. Atuaram pelo time paulista jogadores como Vinicius Simon, Rodrigo Possebon, Roberto Brum ou Keirrison.

Na semana passada, o Santos recusou participar de um torneio com Galatasaray, Besiktas e River Plate na Turquia. O campeonato seria entre os dias 15 e 18 de janeiro e, segundo o Peixe, atrapalharia o planejamento da pré-temporada, que começa em 7 de janeiro.

Fonte:Mundo On-Line