Correu do GTO, mas acabou preso flagrado com maconha no Bela Vista

Gabriel Cezar Lopes Melo disse que ia entregar a droga a um cliente, mas, acometido de repentina amnésia, não soube identificar o destinatário da erva-do-diabo
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A guarnição extra do Grupo Tático Operacional (GTO), do 23° Batalhão de Polícia Militar de Parauapebas, apresentou, por volta das 18h45 de ontem, na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil, Gabriel Cezar Lopes Melo, 20 anos. Ele é acusado de tráfico de drogas, após ter sido flagrado com 160 gramas de maconha prensada.

Gabriel foi preso na Rua Carlos Gomes, Bairro Bela Vista, após correr quando viu a guarnição da PM se aproximando, dando a entender que estava fazendo algo errado. A fuga foi malsucedida e ele, capturado.

Na revista pessoal, os policiais encontraram a droga que o jovem confessou que estava indo entregar a um comprador, cujo nome não revelou, pois, como em todos os casos semelhantes, teve repentina amnésia. Ele recebeu voz de prisão e foi conduzido à Polícia Civil.

(Caetano Silva)