Com gol de peixinho de Renan Gorne, Remo vence o Brasil de Pelotas no Baenão pela Série B

Foi a primeira vitória do Leão Azul no Campeonato Brasileiro, deixando o time azulino com quatro pontos
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Jogo acirrado entre Remo e Brasil de Pelotas no Baenão (Foto: Fernando Torres)

Continua depois da publicidade

O Clube do Remo conquistou sua primeira vitória dentro do concorrido Campeonato Brasileiro da Série B. Na noite deste sábado (5), o Leão Azul bateu o Brasil de Pelotas (RS), por 1 a 0, no Estádio Evandro Almeida, o Baenão, em Belém. A partida foi válida pela segunda rodada da competição nacional. Com o resultado, os azulinos chegaram aos quatro pontos, ocupando a quinta colocação na classificação. 

O único gol do jogo que garantiu os três pontos ao Leão Azul saiu aos 26 minutos do primeiro tempo, quando Thiago Ennes cruzou da direita para Renan Gorne, e o atacante pulou de peixinho na bola para vencer o goleiro Matheus Nogueira.

O Remo volta a campo pela Série B no próximo domingo (13), às 18h15, diante do Botafogo (RJ), no Estádio Olímpico Nilton Santos, o Engenhão, no Rio de Janeiro, em partida válida pela terceira rodada da competição nacional. 

O jogo: Deu Leão diante do Xavante! 

O Brasil de Pelotas chegou primeiro, quando Bruno Matias recebeu passe na frente e chutou, mas o goleiro Vinícius defendeu bem para o Remo. O Leão Azul respondeu e quase abriu o placar. Renan Gorne cruzou da esquerda na medida para Dioguinho, que meteu a cabeça na bola e o goleiro Matheus Nogueira, ao fazer uma grande defesa, acabou se machucando. Pressão azulina. Após jogada pela esquerda, Jefferson cruzou na área, o goleiro Matheus Nogueira defendeu e soltou, mas conseguiu fazer o corte.

De tanto insistir, o Remo abriu o placar: Thiago Ennes cruzou da direita para Renan Gorne, que mergulhou de peixinho para o fundo do barbante, aos 26 minutos, 1 a 0. O Xavante chegou com perigo, quando Luiz Fernando ficou de frente e tentou driblar o goleiro Vinícius, que saiu da meta e derrubou o jogador da equipe gaúcha dentro da área, mas a arbitragem não marcou a penalidade. Após bola na área remista, Rômulo subiu de cabeça e mandou por cima da meta do goleiro Vinícius.

Na segunda etapa, o Xavante chegou com Artur, que finalizou a primeira vez com o corte de Marlon; na segunda tentativa, Marlon novamente fez o corte e a bola foi para escanteio. O Leão chegou pela direita com Thiago Ennes, que cruzou para a cabeçada de Edson Cariús, mas a bola passou por cima da meta do goleiro Matheus Nogueira. Em mais uma tentativa azulina, Rafinha arriscou de longe e mandou por cima do gol. Placar final: Remo 1 x 0 Brasil de Pelotas. 

FICHA TÉCNICA

REMO: Vinícius; Thiago Ennes, Romércio (Keven), Rafael Jansen e Marlon; Anderson Uchôa (Arthur), Lucas Siqueira e Felipe Gedoz (Erick Flores); Jefferson (Rafinha), Renan Gorne (Edson Cariús) e Dioginho.
Técnico: Paulo Bonamigo.

BRASIL DE PELOTAS: Matheus Nogueira; Vidal, Leandro Camilo, Ícaro e Artur (Kevin); Rômulo, Bruno Matias, Luiz Fernando (Fabrício) e Paulo Victor (Gabriel Terra); Cristian (Welinton) e Júnior Viçosa (Ramon).
Técnico: Cláudio Tencati.

Árbitro: Ricarle Gustavo Gonçalves Batista (CBF-BA)

Assistente 1: Marcos Welb Rocha de Amorim (CBF-BA)

Assistente 2: Luanderson Lima dos Santos (CBF-BA)

Quarto árbitro: Olivaldo José Alves Moraes (CBF-PA)

Cartões amarelos: Anderson Uchôa (Remo); Artur e Júnior Viçosa (Brasil de Pelotas)

Gol: Renan Gorne, de peixinho, aos 26 minutos do 1° tempo para o Remo

Local: Estádio Evandro Almeida, o Baenão, em Belém 

Por Fábio Relvas
Publicidade