CAE do Senado aprova, por unanimidade, a extinção do 14º e 15º salários

Continua depois da publicidade

Pouca gente acreditava, mas o projeto que extingue o 14º e 15º salários no Congresso Nacional foi aprovado por unanimidade, ontem, na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). Os senadores estão sob forte pressão popular desde que o Correio Braziliense trouxe à tona a informação de que a benesse continuava intocada, apesar de o país viver dias de austeridade, desde a Constituição de 1946. Agora, eles prometem levar a proposta ao plenário da Casa o mais rápido possível. A expectativa é de que a votação ocorra em até duas semanas. Depois disso, o projeto segue para a apreciação da Câmara dos Deputados.

Lamentando a aprovação, o senador Cyro Miranda (PSDB-GO) saiu-se com essa pérola: “tenho pena daqueles obrigados a viver com R$ 19 mil líquidos com a estrutura que temos aqui”

1 comentário em “CAE do Senado aprova, por unanimidade, a extinção do 14º e 15º salários

  1. Anônimo Responder

    Hoje cedo vi pela televisão um político lamentando o fim do 14º e 15º salário dos deputados. Ele dizia que não precisava, pois é um empresário. Mas, sentia pelos colegas, que terão que viver só com dezenove mil reais por mês. Parece piada!!! E a maioria dos brasileiros que só vive com um salário mínimo? Queri vê-los sobrevivendo com um salário mínimo um mês…

Deixe seu comentário

Posts relacionados

%d blogueiros gostam disto: