Depois de grande pressão da população, Câmara no norte do Paraná aprova redução de salário de prefeito e vereadores

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

câmara-Santo-Antônio-da-PlatinaOs vereadores de Santo Antônio da Platina, na região norte do Estado do Paraná diminuíram o salário para R$970,00 por mês. Mas a redução só aconteceu depois de uma pressão popular.

O projeto original previa o contrário, um aumento nos salários. No dia da primeira votação, uma empresária do município se revoltou com o aumento e reclamou com os vereadores. A situação foi registrada em vídeo e as imagens se espalharam pela internet. A população acabou indo em peso à segunda votação e o projeto inicial de aumento de salários foi alterado.

O subsídio do prefeito passaria dos atuais R$14.700 para R$ 22 mil; do presidente da câmara iria de R$4 mil para R$8,5 mil e os salários dos demais vereadores passaria de R$3,7 mil para R$7,5 mil. Segundo o presidente da câmara da cidade, Valdir Domingos de Souza (PSB), a pressão popular ajudou a convencer os vereadores que era preciso baixar os salários.

Uma emenda definiu que o salário do prefeito vai ser reduzido para R$12 mil e todos os vereadores vão receber quatro vezes menos que os atuais R$3,7 mil. O presidente da Câmara considera que outras cidades também deveriam adotar a redução nos salários.

Os novos salários aprovados passam a valer a partir da próxima legislatura, em 2017.

Santo Antônio da Platina, que tem uma população de 45 mil habitantes, conta com 9 vereadores.

Publicidade

Relacionados