Após investigação, Polícia Civil descobre que homem preso por tráfico mentiu identidade e tinha mandado de prisão em aberto

Homem de 38 anos era procurado pelo crime de roubo em São Luís (MA), desde 2004.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Na tarde da última quarta-feira (03.06), a Polícia Civil, através de perícia papiloscópica, identificou um homem que havia sido preso em Floresta do Araguaia.

De acordo com informações da polícia, em 28 de março de 2020, Gabriel Pereira da Cunha Neto foi preso pelo crime de tráfico na delegacia de Floresta do Araguaia, com grande quantidade de droga. Ele foi encaminhado para a delegacia de Conceição do Araguaia e dois meses depois, foi transferido para o sistema prisional.

“Durante investigação preliminar, foi verificado que ele não era o Gabriel Pereira da Cunha Neto e sim, José Gabriel Pereira dos Santos. A partir daí, constamos que havia um mandado de prisão expedido pela 3ª Vara Criminal de São Luís (MA)”, explica o delegado Lincoln Vruck, que responde pela delegacia de Floresta do Araguaia.

O homem de 38 anos, era procurado pelo crime de roubo desde 2004. Agora, o acusado segue preso e está à disposição da Justiça.