“Aliança pelo Brasil” está recolhendo nos cartórios assinaturas em apoio à criação do partido

Em Parauapebas, o Cartório do 1º Ofício de Parauapebas já está recebendo fichas para criação do partido de Bolsonaro, com autorização do CNJ
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on print

Continua depois da publicidade

As dúvidas que existiam quanto a legalidade do ato foram sanadas, conforme decisão do CNJ no Pedido de Providência 0000290-44.2020.2.00.0000, proferida no dia 16/01/2020, que determinou que os Cartórios de todo Brasil continuassem autorizados a recolher fichas de Apoiamento para a criação do novo partido “Aliança Pelo Brasil”, liderado pelo atual Presidente Jair Bolsonaro.

As assinaturas são necessárias para que o partido cumpra um dos requisitos determinados pelo TSE, e consiga concorrer as eleições deste ano.

A vantagem de assinar a ficha de apoio à criação do partido pelo Cartório é que as assinaturas não poderão ser questionadas pelo TSE, por gerarem a presunção de veracidade, uma vez que foram autenticadas pelo Tabelião.

Os interessados em apoiar a criação do “Aliança pelo Brasil” precisam comparecer ao cartório de notas para preencher a ficha de apoiamento, que pode ser encontrada no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou ser cedida no próprio cartório. A pessoa preenche a ficha e faz o reconhecimento de firma por autenticidade, no mesmo padrão que é usado para realizar a transferência de veículo.

Em Parauapebas, as fichas de apoiamento estão disponíveis com a colaboradora Isabel, no Cartório de 1º Ofício Emílio Gallo, no bairro Cidade Nova, local em que a população poderá comparecer para preencher o formulário, que em seguida será enviado ao partido.

Publicidade