Águia de Marabá vai completo para cima do Paysandu em busca da classificação

O Azulão depende somente de si para avançar as semifinais do Parazão
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

O Águia de Marabá tem uma decisão na décima e última rodada da fase de classificação do Campeonato Paraense de 2019. O Azulão Marabaense encara o Paysandu, único time invicto do estadual, no próximo domingo (31), às 16h, no Estádio Zinho Oliveira, em Marabá. O time do técnico João Galvão depende somente de si para avançar as semifinais do Parazão, basta a equipe do sudeste vencer o time da capital Belém.

Se caso ocorrer uma vitória do Papão, ou um empate, o time marabaense terá que secar a equipe do Bragantino, que enfrenta o Independente, no mesmo dia e horário, no Estádio Olímpico São Benedito, o Diogão, em Bragança. Havendo um revés do Águia e acontecendo uma vitória do Tubarão ou um empate, o Tubarão do Caeté que fica com a vaga para as semifinais do Parazão.

O técnico João Galvão terá o time completo para o confronto diante dos bicolores, inclusive com o atacante Júnior Rato, destaque da equipe, que sofreu um estiramento de grau I na coxa direita, mas já se recuperou e começou a treinar normalmente com o restante do grupo. O zagueiro Guilherme Almeida, que sentiu um desconforto muscular, também está recuperado e pode aparecer como titular na zaga aguiana.

O treinador do Azulão vai arrumando a equipe e fazendo mistério quanto a onzena titular, já que os treinamentos estão ocorrendo de portões fechados no Estádio Zinho Oliveira. A diretoria espera casa cheia e acredita na classificação do Águia para as semifinais. Os ingressos já estão sendo vendidos nos valores de R$ 50 a arquibancada coberta, e R$ 20 as arquibancadas populares.

“A gente colocou na nossa cabeça que só dependia de nós nos dois jogos que faltavam. O primeiro já foi contra o Independente e vencemos e agora falta o jogo contra o Paysandu no domingo. Vamos ter humildade, ainda não ganhamos nada e não conseguimos a classificação ainda, não é nada fácil. Vamos continuar trabalhando com os pés no chão, com humildade, com foco durante a semana para tentar a classificação dentro de Marabá”, afirmou João Galvão, técnico do Águia.

Por Fábio Relvas / Foto: Gustavo Campos

Publicidade

Relacionados