Torcedores da cidade de Marabá participaram de campanha para doação de sangue

A campanha “Torcedor Sangue Bom” contou com as torcidas de Remo, Paysandu e Águia
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Os torcedores de Clube do Remo, Paysandu Sport Club e Águia de Marabá Futebol Clube, em parceria com o Hemocentro Regional de Marabá (HRM), deram um verdadeiro show de bola e entraram em campo para salvar vidas. A campanha “Torcedor Sangue Bom”, que começou no dia 8 de junho e se estendeu até esta sexta-feira (12/06), foi um sucesso entre as torcidas, que fizeram doação para abastecer o banco de sangue do Hemopa, em uma corrente de solidariedade.

“Nós até brincamos que somos rivais, obviamente, dentro de campo, mas fora somos amigos, estamos juntos o tempo todo, a gente tem contato. Então, nada mais nobre a gente fazer juntos e unirmos forças e a gente de fato fez bonito nesses dias e conseguimos uma grande doação de sangue de todos os torcedores que foram avisados através de grupos e dos meios de comunicações”, afirmou Helber Oliveira, presidente da torcida do Paysandu, Paixão Bicolor Marabaense.

Todos os torcedores que chegavam ao Hemocentro Regional de Marabá estavam seguindo as normas dos órgãos de saúde, se higienizando com álcool em gel e usando suas máscaras, itens necessários para a prevenção da pandemia causada pelo novo coronavírus. As pessoas que doaram, fizeram um agendamento por telefone e todos os torcedores participaram de sorteios de camisas das torcidas e dos times envolvidos na campanha.

“Convidamos todos os Leões de Marabá, todos os Paysandu marabaenses para fazer esse gol de solidariedade conosco. Nos reunimos para fazer doações de camisas, bonés, máscaras, mas foi importante o cidadão vir com a sua máscara e ter feito o seu papel nessa solidariedade para o povo de Marabá para realmente salvar vidas, também”, disse Roberto Oliveira, da torcida do Clube do Remo, Leões de Marabá.

Os torcedores entenderam o recado e participaram em grande número dessa causa nobre e o saldo foi significativo para viabilizar o atendimento transfusional dos pacientes que precisam com uma certa urgência de sangue. A ação estratégica teve a campanha organizada pelos voluntários das três torcidas do sudeste paraense. Foram selecionadas pessoas com boa saúde e tendo idade entre 16 anos completos a 69 anos, e peso acima de 50 kg.

“Todos os torcedores foram convocados. Nós estamos aproveitando essa oportunidade para agradecer a participação desse ato de amor da doação de sangue e as nossas torcidas hoje reunidas, e nós entramos em campo com essa finalidade. Hoje o nosso ganho foi conseguir trazer todos aqui abraçando essa causa e a população correspondeu e atendeu nossas solicitações”, agradeceu Faustino Neto, presidente da torcida do Águia de Marabá, Garra Azul Fiel.

Por Fábio Relvas

Publicidade