Marabá

Setran vai reconstruir ponte de madeira para que o tráfego não seja interrompido na PA-150

Por Eleutério Gomes – de Marabá A Setran (Secretaria de Estado de Transportes), por meio do 5º Núcleo Regional, começa a providenciar nesta terça-feira (3) a recuperação da antiga ponte de madeira …

Por Eleutério Gomes – de Marabá

A Setran (Secretaria de Estado de Transportes), por meio do 5º Núcleo Regional, começa a providenciar nesta terça-feira (3) a recuperação da antiga ponte de madeira ao lado da ponte de concreto cuja junta de dilatação cedeu no último fim de semana, na Rodovia PA-150, entre Marabá e Jacundá, a 15 km desta, no Rio São Domingos. A informação foi passada no início desta manhã ao Blog pelo engenheiro Jorge Siqueira Andrade, chefe da Regional.

O objetivo é criar um desvio para o tráfego, pois a ponte de concreto, construída em 2013,  será interditada enquanto o problema é resolvido.

Jorge Andrade acredita que a junta de dilatação tenha sofrido o afastamento devido a um recalque em uma das estacas, mas essa hipótese ainda precisa de confirmação após exame minucioso para que se chegue a um diagnóstico exato.  “A partir daí é que vamos estudar como será essa recuperação, que técnicas serão aplicadas para que a ponte seja restaurada na parte em que houve o afastamento da junta de dilatação”, antecipou ele.

O engenheiro disse esperar que a antiga ponte de madeira ainda esteja em condições de tráfego, pois, em geral, as peças são roubadas assim que são desativadas com a construção das pontes de concreto. Caso contrário, a ponte de madeira será imediatamente reconstruída para que o tráfego não seja interrompido na PA-150.

Deixe seu comentário