Primeira parcela do 13º salário de aposentados e pensionistas vai injetar R$ 300 milhões no Pará

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O pagamento da primeira parcela do 13º salário dos aposentados e pensionistas do Pará vai injetar cerca de R$ 300 milhões na economia e atingir quase 640 mil beneficiários no Estado, segundo uma pesquisa do Dieese-Pa (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) divulgada no domingo (6). O pagamento deve ser feito a partir do dia 24 pelo Ministério da Previdência Social.

De acordo com o Dieese, entre todos os estados do Norte, o Pará é o que detém o maior número de beneficiários alcançados. São cerca de 640 mil aposentados e pensionistas. Isso representa 49,03 % do total de 1.286.723 beneficiados da Região Norte. A partir do dia 24, a economia paraense vai receber R$ 300.497.291,00 , correspondentes a cerca de 49,77 % de todo o montante do Norte.

No Brasil, 28.254.089 aposentados e pensionistas terão direito ao benefício, que vai injetar cerca de R$ 15.972.642.382,00 na economia brasileira. O Dieese aconselha aos aposentados e beneficiários que utilizem esta primeira parte do 13º salário para o pagamento de dívidas, principalmente empréstimos. (ORMNews)