Preso em Tailândia homem que matou jovem grávida e Tomé-Açu

Ele confessou o crime e disse que estava sendo ameaçado pela vítima e pelo irmão dela
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Uma operação policial comandada pela 6ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), em Tailândia, região nordeste do Pará, prendeu Isael da Silva Matos, 43 anos. “Eu matei ela porque estava sendo ameaçado por ela e pelo irmão”, confessou o homem, que assassinou, com um tiro de espingarda, a jovem Elis Naiara de Oliveira, 22 anos de idade, grávida de sete meses. O crime ocorreu no último domingo (25), em Tomé-Açu, também no nordeste paraense, a 154 quilômetros do local em que o homicida foi capturado.

Isael Matos, casado e pai de três filhos, contou sua versão à Imprensa local: “Ela brigava comigo e fazia ameaças”, disse ele, acrescentando que a confusão começou após ele ter comprado um terreno ao lado da casa de Elis de Oliveira. “Fui jogar veneno pra matar formiga e ela brigava dizendo que tava matando as plantas dela”.

A briga dos vizinhos culminou de forma trágica no domingo, quando Israel disparou um tiro de espingarda calibre 22 na cabeça de Elis Naiara. A moça morreu no local do crime, na comunidade Sempre Alegre, zona rural de Tomé-Açu. O réu confesso deverá responder pelos crimes de homicídio e tentativa de aborto.

Após o crime, Isael se refugiou na zona rural de Tailândia. E, na manhã desta terça-feira (27), foi preso pela Polícia Militar, na vicinal 13. Ele foi recambiado para Tomé-Açu, onde ficará à disposição da Justiça.

(Antonio Barroso)

Publicidade