Prefeitura de Parauapebas vai licitar drenagem e material turístico nesta quinta

Semob vai usar até R$ 8,64 milhões em infraestrutura de ruas do Bairro Nova Vitória enquanto o Detur pretende adquirir R$ 625 mil em materiais de distribuição gratuita em feiras e eventos.
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on print

Continua depois da publicidade

Acabou a folga de carnaval para a Comissão Permanente de Licitação (CPL) do governo de Darci Lermen, que amanhã, quinta-feira (25), providenciará o desfecho de dois importantes processos que contemplam serviços de drenagem de ruas e fornecimento de material de divulgação de atrativos turísticos do município de Parauapebas. Juntos, os futuros contratos têm custo estimado em R$ 9,2 milhões.

O Blog do Zé Dudu apurou que nesta quinta serão conhecidas as propostas comerciais dos serviços de infraestrutura e urbanização do Bairro Nova Vitória, periferia em franca expansão da cidade. Lá, a Secretaria Municipal de Obras (Semob) estima gastar até R$ 8,64 milhões com pavimentação e drenagem de vias públicas.

Pelos planos da pasta, as ruas Acapu, 3, SN 6, SN 10, SN 16, SN 22, 21 e 23 vão receber pavimentação com piso intertravado, em blocos de concreto, totalizando 3,2 quilômetros de vias. Já as ruas 3, 7, SN 22 e Vicinal vão ganhar drenagem profunda. Segundo a Semob, o Nova Vitória conta com um número considerável de crianças em idade de estudar que, devido à falta de infraestrutura para circulação do transporte escolar, não conseguem acessar os ônibus. “As benfeitorias vão possibilitar a criação de rotas de transporte à escola e garantir qualidade de vida a todos os moradores da comunidade”, explica Wanterlor Bandeira, titular da secretaria.

Difusão de atrativos turísticos

Em outra frente de atuação, o governo municipal vai realizar um pregão para que o Gabinete do prefeito Darci, por meio do Departamento Municipal de Turismo (Detur), use recursos do Fundo de Desenvolvimento do Turismo na aquisição de diversos materiais que serão distribuídos em forma de brindes em eventos e feiras de turismo, a fim de promover e difundir a marca “Parauapebas: a Capital do Ecoturismo de Carajás”. A ideia é, segundo o Detur, aumentar a possibilidade de negócios no ramo turístico para o município.

Serão comprados chaveiros, bloquinhos de papel, pendrives, bonés, sacolas, canetas de metal, estojos, porta-cartões, pasta A4, entre outros itens, pelo valor de R$ 625 mil. A aquisição dos produtos para divulgação, segundo o Departamento, não é conflitante com a contratação de serviços de publicidade via agências Ivo Amaral e Gama porque, no entendimento do Detur, sua licitação visa exclusivamente à difusão de atrativos turísticos locais, e não fazer propaganda institucional.

Publicidade