É possível usar o ar condicionado de maneira econômica e eficiente

Continua depois da publicidade

Em tempos de calor extremo, especialistas orientam sobre o uso correto do aparelho

Nesta época do ano, temperaturas elevadas são registradas na maior parte do estado. Segundo os dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) no Pará, os termômetros têm marcado acima dos 30ºC. Na capital paraense, o último final de semana chegou a marca dos 34ºC. Já em Santarém, no oeste do estado, a sensação térmica já ultrapassa os 37ºC. O Instituto ainda destaca que essa mesma variação de calor deve se estender para cidades como Marabá, Parauapebas, Altamira e Itaituba. A expectativa é de que essa situação permaneça até novembro.

Uma maneira de driblar esse clima nada amistoso é fazer a utilização do ar condicionado, mas ao mesmo tempo é necessário levar em conta alguns itens para que o eletrodoméstico não seja um entrave no orçamento doméstico.  Além da economia na conta de energia elétrica no final do mês, o uso correto ainda possibilita o aumento da vida útil do aparelho e ajuda na preservação do meio ambiente. 

De acordo com o líder da área de eficiência energética da Celpa, Hugo Cardoso, uma boa escolha na hora de comprar um ar condicionado pode representar uma economia de até 40% de gastos com o aparelho. “O primeiro passo na hora da compra é verificar se o eletrodoméstico possui o selo Procel de Economia de Energia. Outro fator importante é escolher um modelo que possua a função timer, pois assim será possível programa-lo para desligar”, alerta Hugo.

Outra orientação da empresa de energia elétrica está relacionada à instalação. É importante que a unidade externa fique em um local com boa circulação, sem bloqueio das saídas de ar e onde os raios do sol não incidam diretamente. Caso contrário, haverá trabalhará desnecessário do eletrodoméstico. No interior da casa, o ar condicionado deve ficar em um local onde o fluxo de ar fique paralelo a maior dimensão do local. Deve-se evitar deixá-lo perto de cortinas, móveis ou cantos de paredes. Quanto mais alto ele for instalado melhor, pois o ar frio tende a descer.

No dia a dia da utilização, é essencial que o termostato esteja regulado, evitando frio excessivo. A variação de um grau pode elevar em até 8% o consumo de energia. Os filtros também devem ser mantidos limpos. Quando ficam sujos eles impedem a circulação do ar, forçando o eletrodoméstico a trabalhar mais. As entradas e saídas também precisam de atenção para não serem obstruídas por pó e sujeira.

As portas e janelas do ambiente devem ficar bem fechadas quando ao aparelho estiver ligado, para que o ar quente externo não entre. Outra dica para evitar que o ambiente esquente com o calor do sol, é deixar as cortinas e persianas fechadas até mesmo quando o ar não estiver sendo usado.

Hugo Cardoso ainda alerta sobre a utilização do ar condicionado por longos períodos durante o dia. “Para esses casos indicamos os aparelhos que contenham a tecnologiaInverter. Este sistema oferece maior eficiência, com o ajuste do compressor conforme a necessidade. Vale destacar que essas dicas valem para todos os modelos, incluindo ossplits. Seguindo as orientações é possível amenizar o calor e ainda garantir que o orçamento doméstico não fique comprometido”, finaliza.