PM prende mulher que esfaqueou companheira por causa de ciúmes

O crime aconteceu no Bairro Betânia, mas a acusada depôs e foi liberada porque se arrependeu do crime e socorreu a namorada
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Por volta das 19h20 deste sábado (14), uma guarnição da Polícia Militar entregou na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil, de Parauapebas, Agela Oliveira da Silva, 24 anos. Ela é acusada de tentar matar, com um golpe de faca, sua companheira, Kallyny do Nascimento Moreira, de 19 anos de idade. A motivação do crime teria sido ciúme. 

A agressão aconteceu na esquina da Avenida Inglaterra, esquina com a Rua Nicodemos, no Bairro Betânia. Na Delegacia de Polícia Civil, Agela prestou depoimento e foi liberada para responder ao processo em liberdade. Pesaram a favor dela o fato de ter se mostrado arrependida e de ter socorrido a companheira.

Kallyny Moreira segue internada no Hospital Municipal de Parauapebas, pois a lesão produzida pela faca é considerada de natureza gravíssima. (Caetano Silva)