Parauapebas: Sespa realiza vistoria técnica no serviço de Saúde Mental do município

A vistoria aconteceu nesta quinta-feira (13). O objetivo foi vistoriar a rede de atenção psicossocial e a clínica psicossocial do Hospital Geral de Parauapebas (HGP), com intuito de habilitar esse serviço junto ao Ministério da Saúde
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Equipe técnica da Sespa vistoriou o serviço de Saúde Mental de Parauapebas

Continua depois da publicidade

A Secretária Municipal de Saúde de Parauapebas (Semsa) recebeu, nesta quinta-feira (13), a equipe técnica da Secretaria Estadual de Saúde Pública do Pará (Sespa), para vistoriar o serviço de saúde mental do município. Segundo a Semsa, o objetivo do estado nesse monitoramento foi visitar alguns serviços da rede de atenção psicossocial e fazer a vistoria da clínica psicossocial do Hospital Geral de Parauapebas (HGP), com intuito de habilitar esse serviço junto ao ministério da saúde.

Fazendo essa habilitação, o município se credencia para receber o recurso de custeio para o funcionamento desse serviço, que até então está sendo custeado exclusivamente pelo município. Ainda de acordo com a Semsa, Parauapebas é um dos três municípios do estado do Pará que possuem essa estrutura, evitando assim encaminhar seus pacientes para o Hospital Gaspar Vianna, em Belém, ou até mesmo usar os serviços hospitalares da capital ou de Marabá, como era feito anteriormente.

A secretaria assegura que os pacientes em crise são assistidos em Parauapebas com serviço do mesmo nível de complexidade de Marabá e Belém. “Gostaria de parabenizar a gestão municipal por todo esse trabalho e dedicação. Para nós, da saúde mental, é um momento histórico. Parauapebas é a segunda região em quatro anos, que nós estamos tendo a oportunidade de retornar para participar da ampliação do cuidado da urgência e emergência em saúde mental”, destacou Lise Uchoa, responsável técnica da vistoria da Sespa.

Satisfeito com a vistoria aos serviços de saúde mental do município, o secretário adjunto de saúde, Paulo Vilarinhos, ressaltou a relevância dessa visita para o município. “A vistoria aconteceu em todas as portas do serviço de saúde mental. Nós ficamos contentes em saber que nossa dedicação, ao que se refere saúde mental, está sendo reconhecida como preconiza o Ministério da Saúde dentro das políticas da Saúde Mental e na avaliação da equipe técnica da Sespa. Aqui é realizado um trabalho pautado no acolhimento humanizado”, acrescentou Paulo Vilarinhos.

Tina DeBord – com informações da Ascom PMP

Foto: Ascom PMP

Publicidade