Parauapebas: Mais de 11 mil são vacinados em mutirão de imunização contra a Covid-19

Durante a ação, foram aplicadas a primeira e segunda doses da vacina. Com mais essa ação, Parauapebas avança no processo de imunização da população contra a doença
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Parauapebas realizou, neste sábado (24), mais um mutirão de imunização contra a Covid-19. Durante a ação foram aplicadas 11.665 doses de Coronavac, Pfizer e AztraZeneca, das quais 9.417 foram da primeira dose e 2.248 da segunda. O mutirão contou com pontos de vacinação nas zonas urbana e rural, para facilitar o acesso da população. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), tudo ocorreu dentro do planejado e as pessoas foram atendidas rapidamente.

Um dos que garantiram a imunização foi Auriberto Correia, de 57 anos, que tomou a segunda dose da Coronavac. Ele agradeceu ao governo pela ação e disse que o atendimento foi melhor possível. “O atendimento foi bom e rápido. No início do ano peguei o vírus e achei que iria morrer. Hoje estou muito feliz por conseguir completar minha vacinação. É uma esperança a mais, um sopro de vida pra nós, contando aí com o apoio do governo municipal e do SUS. Agora é fé em Deus que vamos vencer mais essa etapa de batalha na luta pela vida,” enfatizou.

Outro que aproveitou a ação para se imunizar foi o representante comercial Lário Carlisson, que tomou a primeira dose da Pfizer. “A esperança de todo brasileiro é que essa pandemia passe. Sobre a vacina, acho que todos devem tomar e não tem que escolher marca. Eu tomei a primeira dose e já estou no aguardo da segunda,” frisou.

De acordo com Michele Ferreira, diretora de Vigilância em Saúde, com mais esse mutirão, Parauapebas avança no processo de imunização da população.  “Hoje demos continuidade nessa linda campanha de vacinação contra Covid-19. Aplicamos a primeira dose para quem ainda não tinha se vacinado na faixa etária de 30 a 59 anos, sanamos as pendências de Coronavac para o público de 50 a 59 anos e também fizemos a aplicação da segunda dose da AztraZeneca para pessoas de 60 a 64,” ressaltou a diretora.

O mutirão é realizado pela Semsa, responsável por fazer o armazenamento e gerenciamento das doses recebidas, assim como desenvolver o plano municipal de imunização. “É muito importante frisar o carinho e o empenho que a Secretaria de Saúde está tendo com seus profissionais, gerando conforto e condições de realizar um bom atendimento para a nossa população, assim como vale destacar que a logística montada ajuda a fazer com que os atendimentos sejam rápidos e eficientes,” acrescentou Michele.

Segundo ela, o cronograma de vacinação segue na próxima semana. A orientação é para que a população fique atenta aos canais oficiais de comunicação da Prefeitura de Parauapebas para acompanhar as datas e públicos que devem ser vacinados.

Está programada a aplicação da segunda dose para pessoas acima de 50 anos, entre os dias 26 e 30 de julho, na Escola Municipal Chico Mendes, no horário entre 9h e 14h. Entre os dias 28 e 30 de julho, nessa mesma escola, devem receber a segunda dose da vacina ferroviários e profissionais de força de segurança, que foram imunizados nos dias 29 e 30 de abril, e também no dia 5 de maio.

Tina DeBord – com informações da Ascom PMP