Parauapebas: Conselho da Comunidade apresenta balanço de conquistas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Conselho da Comunidade de ParauapebasAconteceu na última quarta-feira, 10, no gabinete de audiências da 3ª Vara Penal de Parauapebas, cujo titular é o juiz Líbio Moura, mais uma reunião do Conselho da Comunidade de Parauapebas. Na pauta os seguintes assuntos:

– Construção da cadeia pública de Parauapebas – na oportunidade o representante da Procuradoria Geral do Município se comprometeu em verificar a tramitação da doação do terreno ao governo do Estado e a informação de uma possível reversão da doação.

– IML/CPC – o representante da PGM informou que a minuta de convênio para a instalação do IML em Parauapebas necessita de plano de trabalho, sendo necessária nova intervenção da SEGUP-PA, o que ocasionará nova remessa à Secretaria. O endereço proposto para o IML seria nas instalações da 20ª Seccional de Polícia ou no prédio onde atualmente funciona a Defensoria Pública da Mulher, se este não tiver impedimento legal. O delegado Rodrigo Paggi, da Seccional de Parauapebas, se comprometeu em enviar semanalmente um veículo à Marabá para pegar os laudos pendentes no IML de Marabá, inclusive os objetos atrelados e encaminhados ao Fórum.

Por telefone, o diretor do IML-CPC de Marabá, Marcelo Salame informou que o plano de trabalho do item 2 já foi encaminhado à Secretaria de Segurança Pública, comprometendo-se encaminhar resposta até amanhã.

Participaram da reunião o juiz da Vara Penal, Líbio de Araújo Moura; o representante do MP, Guilherme Coelho Chaves; o presidente da OAB-Parauapebas, Jakson Souza e Silva; o presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB-Parauapebas, Gildásio T. Ramos Sobrinho; o comandante do Quartel da PM local, Mauro Sergio Marques Silva; os representantes do CREA-PA, José Maria Fernandes e Retycliv Oliveira; o representante da ACIP, José Leonardo Campos; a representante da Defensoria Pública em Parauapebas, Kelly Aparecida Soares; a representante do CAI, Eliane Oliveira; o representante da PGM, Thiago Carvalho de Pinho; a diretora da carceragem do Rio Verde, Nilcéia Silva; o delegado da 20ª Seccional de Parauapebas, Rodrigo Paggi; a delegada de Polícia, Maria Regina Rodrigues; o presidente do Siproduz, Marcelo Aires, e os representantes do Conselho Tutelar em Parauapebas, Josefa Girão e Ivanildo Braga.

Ficou definida que a próxima reunião do Conselho ocorrerá em 15 de maio de 2013, às 16 horas no mesmo local.

Conselho da Comunidade
O Conselho da Comunidade de Parauapebas foi criado em 2007 pela juíza Andreia Brito e reativado a partir de 2010 pelo juiz Líbio Moura. De lá pra cá a parceria entre ACIP, Poder Judiciário, MP, Polícias Civil e Militar já conquistou:

  • um veículo para transportar os presos totalmente equipado, doação da Vale;
  • implantação da Susipe em Parauapebas com 12 agentes do Estado e 1 diretor administrativo;
  • nomeação do tenente-coronel Mauro Sergio para comandar a PM local;
  • várias reformas na cadeia pública do bairro Rio Verde;
  • pintura da Delegacia de Polícia Civil;
  • aquisição de uma câmara frigorífica para 04 corpos para atender o IML, doação do Sicredi;
  • implantação em definitivo do IML em Parauapebas, com necropsia e outros exames que era um desejo da comunidade, já que atualmente os corpos de vitimas de acidentes fatais ainda são conduzidos para Marabá para serem examinados;
  • visita à cidade de Paulínia-SP  para conhecer o funcionamento do sistema de segurança, Guarda Municipal e Departamento de Trânsito daquele município, que é referência nacional;

Segundo informou José Leonardo, existe ainda o projeto para implantação de monitoramento no município, inicialmente com 30 câmeras e estendendo-se para 65 câmeras no futuro. Tais equipamentos já estão comprados.

Faz parte do projeto para a melhoria da segurança pública em Parauapebas a implantação de três portarias em Parauapebas. Essas portarias, afirma Leonardo, seriam uma espécie de portal onde seria possível monitorar a entrada e saída de veículos no município e até detectar infrações de trânsito no momento da abordagem.

Tais portais seriam implantados nos seguintes locais:

  • um na PA-275, em frente ao Zequinha do Leite;
  • outro na saída da VS-10;
  • e o último próximo a rotatória de acesso ao City Parque Clube, na saída para a Palmares I.

As despesas com a implantação dos portais seriam custeadas pela Associação Comercial e Industrial de Parauapebas (ACIP), pelo Sindicato dos Produtores Rurais de Parauapebas (Siproduz) e pela Prefeitura Municipal de Parauapebas, respectivamente. 

1 comentário em “Parauapebas: Conselho da Comunidade apresenta balanço de conquistas

  1. MP Responder

    Seria Otimo que estivessemos comemorando tambem no balanço de conquista a implantação da portaria Nº 2 de acesso ao complexo das minas de Carajas / Serra norte como dia e hora marcada para entrega da obra pronta ,aliviando o transito do município, evitando acidentes fatais na subida da Serra.

    Ação Gerencial !

    Vamos separar pessoas de veiculos pesados , maquinas e equipamentos isto é preservar vidas !

    Não vamos deixar que manipulem nossas consquistas !

    O povo de PARAUAPEBAS merece respeito !

Deixe seu comentário

Posts relacionados

%d blogueiros gostam disto: