Paragominas vence o Guarany de Sobral e Remo perde para o Botafogo pelo Brasileirão

O Jacaré avançou para a segunda fase da Série D e o Leão Azul permanece na 12ª posição da Série B, com 27 pontos
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Paragominas venceu o Guarany de Sobral e avançou na Série D (Foto: Amaral Torquato/ Guarany de Sobral)

Continua depois da publicidade

A bola rolou neste sábado (4) para mais dois times paraenses no Campeonato Brasileiro. O Paragominas recebeu o Guarany de Sobral (CE) na Arena Verde, em Paragominas, pela 14ª e última rodada da primeira fase do Grupo 2 da Série D. Já o Clube do Remo encarou o Botafogo (RJ) no Estádio Evandro Almeida, o Banpará Baenão, em Belém, partida válida pela 22ª rodada da Série B.

Paragominas 2 x 1 Guarany de Sobral 

O Paragominas encarou o líder da chave e não se intimidou com o adversário. Kaikinha abriu o placar para o Jacaré do Norte, aos 32 minutos do primeiro tempo. Não satisfeito com um gol, ele assinalou também o segundo tento do PFC, aos 18 minutos do segundo tempo. O time cearense descontou com Raí, cobrando pênalti, aos 35 minutos da etapa derradeira. Placar final: Paragominas 2 x 1 Guarany de Sobral. 

Com a vitória, o Paragominas Futebol Clube avançou para a segunda fase da Série D, onde terminou a primeira fase no terceiro lugar do Grupo 2, com 23 pontos. Além do PFC, avançaram o Guarany de Sobral (CE), em primeiro com 28 pontos, o 4 de Julho (PI), em segundo com 24 pontos e o Moto Club (MA), em quarto com 21 pontos. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda vai definir os confrontos e as datas da segunda fase, que já será eliminatória em jogos de ida e volta. 

Remo 0 x 1 Botafogo

O Remo teve a primeira chance com Victor Andrade, que entrou pela esquerda e chutou cruzado uma que bola passou muito perto da meta do goleiro Diego Loureiro. O Botafogo teve uma boa chegada com Chay, que tocou na esquerda com Jonathan; o lateral cruzou rasteiro e Rafael Moura finalizou para fora. O Leão Azul tentou chegar com Thiago Ennes, que chutou da intermediária, mas mandou longe da meta botafoguense. 

Em um contra-ataque, Rafael Moura tocou para Marco Antônio, que chutou da meia-lua e a bola desviou na zaga remista, indo para escanteio. Chay cobrou e Joel Carli subiu de cabeça, mandando a bola com perigo contra a meta do goleiro Diego Loureiro. O time azulino tentou com Felipe Gedoz, que recebeu dentro da área e cruzou; Victor Andrade finalizou por cima da meta adversária. 

O Fogão chegou com Chay, que tocou para Marco Antônio finalizar com perigo por cima da trave do goleiro Vinícius. No segundo tempo, após cruzamento na área, Marlon cabeceou para a defesa do goleiro Diego Loureiro. O Botafogo chegou com Pedro Castro pela esquerda, que cruzou e a bola ficou com Warley – na primeira tentativa, explodiu na zaga e, na volta, ele chutou no canto direito do goleiro Vinícius, aos 19 minutos, 1 a 0. 

O Remo acabou caindo para o Botafogo no Baenão (Foto: Samara Miranda)

O Leão quase empatou depois que Thiago Ennes cruzou para a cabeçada de Lucas Siqueira; a bola explodiu no travessão do Botafogo. Em mais uma tentativa azulina, Felipe Gedoz tocou para Rafinha, que finalizou para fora.  O Remo colocou pressão e, após bate e rebate na área, Jefferson finalizou, acertando na trave do Fogão. Só dava Leão. Victor Andrade fez jogada individual e chutou mal para fora.

Na blitz total azulina, Marlon cabeceou e o goleiro Diego Loureiro defendeu. Na sequência dos lances, o Leão teve mais duas chances com o atacante Wallace, mas todas as tentativas pararam na muralha botafoguense, que garantiu o triunfo do time da Estrela Solitária. Placar final: Remo 0 x 1 Botafogo.

Com a derrota, o Remo segue em 12° lugar, com 27 pontos, enquanto o Botafogo subiu para o terceiro lugar, com 38 pontos. O Clube do Remo volta a campo diante do Vitória (BA) na próxima sexta-feira (10), às 19h, no Estádio Manoel Barradas, o Barradão, em Salvador. O duelo será válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. 

Por Fábio Relvas