Parauapebas

Paragominas perde três pontos e recebe multa de R$ 100 pela irregularidade do atacante Fidélis

Por Fábio Relvas Na semana passada, antes da bola rolar para a décima e última rodada da 1ª fase do Campeonato Paraense de 2018, o Parauapebas Futebol Clube, através de …

Por Fábio Relvas

Na semana passada, antes da bola rolar para a décima e última rodada da 1ª fase do Campeonato Paraense de 2018, o Parauapebas Futebol Clube, através de seu departamento jurídico, entrou com uma ação na Federação Paraense de Futebol (FPF), contra o Paragominas Futebol Clube, alegando que o Jacaré do Norte escalou de forma irregular, o atacante Fidélis, na partida entre Independente e Paragominas, no Estádio Navegantão, em Tucuruí, válida pela primeira rodada da competição estadual.

A denúncia do Parauapebas, que brigava diretamente com o Paragominas na luta contra o rebaixamento para a Segundinha, foi protocolada na sede da FPF, na capital Belém, e analisada pelo presidente do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-PA), Dilson José Bastos de Lemos. O resultado saiu na tarde desta quarta-feira (21), com o Paragominas sendo punido com a perda de três pontos e mais uma multa de R$ 100.

Sendo assim, apesar da punição do Jacaré do Norte, o Parauapebas Futebol Clube vai mesmo disputar a Segundinha do Parazão em outubro de 2019. O time do Gigante de Aço teria chance se no caso tivesse empatado com o Bragantino na última rodada e o Paragominas perdesse para o Paysandu, mas nenhum resultado que poderia salvar a equipe da capital do minério aconteceu. O PFC caiu para o Tubarão, por 2 a 1, e o Jacaré conseguiu arrancar um empate diante do Papão em 1 a 1.

Com menos três pontos na tabela, o Paragominas que tinha 11, acabou com 8 pontos na classificação geral do Parazão 2018. A mesma pontuação que o Parauapebas, mas o detalhe da permanência do Jacaré do Norte na elite do futebol paraense é pelo fato de ter conquistado duas vitórias, contra apenas uma do Gigante de Aço. O critério de vitórias, segundo regulamento, é o primeiro para desempate.

“Mesmo com a perda dos três pontos do Paragominas não muda mais a história, o PFC já está na segunda divisão. Essa causa era praticamente ganha, mas não reverte mais em nada a situação e ontem praticamente já estava definido que o Paragominas iria perder três pontos. Mas estamos esperando o veredito hoje que ficou de sair às 17h e estamos aguardando o retorno do advogado”, afirmou Pedro Neto, vice-presidente do Parauapebas.

O Blog do Zé Dudu procurou a Federação Paraense de Futebol e o Paragominas Futebol Clube, mas ambos não se pronunciaram sobre o caso.

Deixe seu comentário