Padroeiro de Parauapebas será homenageado com a 17ª corrida de São Sebastião

A tradicional corrida de São Sebastião, que acontece com o apoio da igreja católica, chega a sua décima sétima edição
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A 17ª corrida de São Sebastião, realizada pela Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel), tem como objetivo estimular as comunidades locais para as atividades das corridas de rua, proporcionando mais qualidade de vida, interação entre os participantes e atenção à saúde.

No total, serão 1.000 vagas disponíveis (700 inscrições para atletas locais de 16 a 29 anos, 30 a 39 anos, 40 a 49 anos, 50 anos acima e categoria especial, destinada aos deficientes visuais e cadeirantes, além de 300 vagas reservadas para a categoria única, destinada aos atletas de outros municípios). Os menores de idade precisarão da autorização dos responsáveis.

As inscrições começam na próxima segunda – feira, 03, com encerramento no dia 15 de janeiro às 23h59 (horário de Brasília) e será feito exclusivamente pelo site Central da Corrida, através do link (centraldacorrida.com.br/17corridasaosebastiao). É preciso ter em mãos todos os documentos pessoais, como RG, CPF, título de eleitor, comprovante de endereço, autorização médica, carteira de vacina atualizada com as duas doses contra a Covid 19 e outros documentos exigidos no regulamento. Não serão aceitas as inscrições após o prazo estipulado.

Cada competidor precisará apresentar entre os dias 16 e 18 de janeiro, das 08h às 20h, no Ginásio Poliesportivo Islander Sousa, na Rua Rio Grande, s/n, lote especial, bairro Beira Rio, a validação da documentação feita no ato da inscrição, além da entrega de 7 kg de alimentos não perecíveis para que seja autorizada a retirada do kit da prova. O evento será no dia 20 de janeiro, data alusiva ao Dia de São Sebastião, padroeiro de Parauapebas.

Os participantes precisam estar obrigatoriamente no local da largada, com pelo menos 30 minutos de antecedência para receberem as orientações necessárias e evitarem punições. A corrida iniciará pontualmente às 6h30, partindo das proximidades do Partage Shopping, seguindo pela PA 275 em direção a rua E, rua 10 e rua D, até o percurso final centralizado na Paróquia de São Sebastião na Praça Mahatma Gandhi, em todo o trajeto haverá sinalização e fiscalização.

A participação do atleta será estritamente individual, no qual fica proibido o auxílio ou apoio de amigos, familiares e o uso de dispositivos que contribuam para completar o circuito, com a exceção dos atletas cadeirantes. A corrida encerra oficialmente duas horas após a chegada do primeiro colocado geral. As premiações serão feitas por meio ranqueamento olímpico (1º, 2º e 3º lugar), mas segundo os organizadores para que o atleta receba a premiação, manter o número de identificação na camisa será um item obrigatório.

Atenção para as categorias participantes:

 ·CATEGORIA ÚNICA – Destinada aos moradores de outros municípios, compreendendo todas as faixas etárias disponíveis no regulamento.

·CATEGORIA EXCLUSIVA PARA OS MORADORES DE PARAUAPEBAS – Os participantes (masculino e feminino), poderão se inscrever a partir de 16 anos de idade completos no dia do evento, mas sob autorização do responsável, os demais, entre 18 e 50 anos acima, poderão participar normalmente, respeitando todas as exigências do regulamento.

 ·CATEGORIA ATLETA ESPECIAL – Cadeirantes e Deficientes Visuais ficam abertas as participações de atletas residentes de outros municípios, mas competirão juntamente com os atletas de Parauapebas. Parceiros Paróquia São Sebastião e a Pastoral da Juventude; Gabinete do Prefeito; Secretaria Especial de Governo (Segov), Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (Semsi); Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT); Secretaria Municipal de Saúde (Semsa); Secretaria Municipal de Urbanismo (Semurb); Corpo de Bombeiros Militar de Parauapebas; Policia Militar e Guarda Municipal.

Texto: Cleidi Rodrigues / Comunicação Semel