Pará x Goiás: veja a diferença no tratamento aos professores

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Enquanto no Pará o Estado não tem dinheiro para pagar R$66,00 de aumento para que se alcance o piso dos professores, em Goiás, depois de dividido, os professores assíduos recebem R$1.500,00 por ano de bônus. Veja o artigo do jornal Diário da Manhã, de Goiânia. E tem gente que ainda não quer dividir!

Bonus em GOQue belo Natal os professores goianos terão, enquanto os daqui trabalharão dobrado para pagar as horas letivas em virtude da greve que tiveram que fazer na tentativa de receber só R$66,00 para que seus salários chegassem ao piso, ao piso e não ao teto. Quanta diferença!!!

Publicidade