Operação “Narcos” cumpre mandados de prisão contra acusados de comandar crimes em Dom Eliseu

Os mandados de prisão foram cumpridos no Maranhão. Os acusados pertenceriam a facções criminosas
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Operação “Narcos” cumpriu mandados de prisão no Maranhão

Continua depois da publicidade

A Polícia Civil do Pará deflagrou a “Operação Narcos” para dar cumprimento a três mandados de prisão preventiva contra membros de facções criminosas investigados pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico. Os mandados foram cumpridos nas penitenciárias dos municípios de São Luís, Pedrinhas e Imperatriz, no estado do Maranhão.

A ação foi efetivada por policiais da Delegacia de Dom Eliseu, no sudeste do Pará, com o apoio dos diretores das penitenciárias maranhenses. Segundo a Polícia Civil, o acusado preso em Pedrinhas é apontado como chefe de uma facção criminosa, o qual atua na prática dos crimes de tráfico de drogas, assim como é responsável por ordenar os roubos de veículos e homicídios na região de Dom Eliseu.

O outro acusado, que está em Imperatriz, coordena a venda e transporte de drogas para as cidades de Açailândia, Itinga e Dom Eliseu. Já o terceiro investigado responde por diversos crimes no Pará e Maranhão, como cárcere privado, sequestro, roubo, homicídio qualificado e tráfico de drogas, além de ser considerado torre da facção criminosa a que pertence.

 A ação policial é a continuidade da “Operação Network”, a qual está em sua terceira fase e tem o objetivo de combater o crime organizado voltado à prática de tráfico Interestadual de drogas, o comércio ilegal de armas de fogo, roubo, além de homicídio praticado no contexto de organização criminosa.

“Vamos dar continuidade as investigações visando o combate ao tráfico de drogas na região, evitando assim a prática de outros crimes”, disse o superintendente Regional, Cristiano Nascimento.

Tina DeBord- com informações da PC