Mototaxista é preso após quebrar vidraças e ameaçar agentes públicos em Ananindeua

Suspeito teve moto apreendida por exercício irregular da profissão e vai responder pelo crime de dano ao patrimônio público e desacato.

Continua depois da publicidade

A Polícia Civil prendeu um mototaxista pelos crimes de dano ao patrimônio público, desacato, ameaça e exercício ilegal. A prisão ocorreu nesta terça-feira, 03, no município de Ananindeua, na região metropolitana de Belém.

De acordo com a denúncia, o suspeito quebrou propositalmente cinco vidraças laterais que cercam o muro do prédio da Prefeitura de Ananindeua. Depois fez ameaças contra agentes públicos.  A polícia civil foi acionada e conseguiu prender o suspeito em flagrante. Ele confessou os crimes, mas a PC não informou a motivação para o ataque de fúria.

A PC verificou que o suspeito já responde por outros delitos como desacato. A moto dele foi apreendida, porque ele exercia de maneira irregular a profissão de mototaxista. O veículo foi encaminhado aos órgãos de trânsito competentes. O acusado foi apresentado a Delegacia da Polícia Civil para os procedimentos cabíveis.