Motociclista morre ao colidir com égua na Rodovia PA-263

Moradores de Breu Branco, consternados com a morte do homem, reclamam nas redes sociais da presença constante de animais de grande porte na estrada, sem que as autoridades tomem providências
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Um trabalhador da cidade de Breu Branco, região sudeste paraense, morreu em grave acidente de trânsito na noite de terça-feira (4), na Rodovia Estadual PA-263, ao colidir contra uma égua. O animal também morreu. A vítima é o tecnólogo em saneamento ambiental Manoel Wagner Marinho, morador de Breu Branco.

Com o impacto, Wagner foi arremessado contra o asfalto e morreu no local do acidente. O animal caiu sobre a moto e também morreu. A tragédia foi registrada por volta de 19h de ontem, no sentido de Goianésia do Pará.

Uma equipe do Samu chegou para resgatar a vítima, no entanto, os socorristas constataram o óbito. E policiais militares isolaram a área enquanto era aguardado o IML de Tucuruí para remover o corpo de Wagner. A pista ficou parcialmente interditada por algumas horas.

A morte do profissional causou comoção entre os moradores da cidade de Breu Branco, onde a vítima residia com a família. Ele deixou viúva e órfãos.

Nas redes sociais os moradores denunciaram a permanência de animais na rodovia PA-263, principalmente no trecho urbano. “Há tempo venho batendo sempre na mesma tecla sobre esses animais soltos na PA-263 e até mesmo no centro da cidade. Infelizmente o pior tem que acontecer para as autoridades tomar (sic) providências. No Breu é uma terra sem lei onde as autoridades ver (sic) as coisas é fingem não ver”, denúncia Douglas Santos.

(Antonio Barroso)

Publicidade