Parauapebas

Mistério ronda execução em bar no Bairro da Paz

Um bar na esquina das ruas Castro Alves e João Batista, no Bairro da Paz, foi palco de mais um crime de execução sumária, por volta das 15 horas desta quinta-feira, 27 de dezembro, em Parauapebas. A vítima, Mateus Victor Neves Torres, 20 anos, estava jogando sinuca no estabelecimento, que havia acabado de abrir, quando foi atingido por dois tiros disparados por um desconhecido que chegou, na companhia de outro, em uma motocicleta.

Conforme depoimento de uma testemunha, ele chegou ao bar e perguntou se poderia jogar uma ficha na sinuca. Ante o consentimento da responsável pelo estabelecimento, Mateus e outro rapaz, identificado apenas como Mário, passaram a jogar, mas, logo a seguir, comentaram entre si que não poderiam demorar, pois de uma para outra hora “eles” poderiam chegar, sem dizer, no entanto, a quem se referiam, quem eram “eles”.

Minutos depois, Mateus perguntou as horas para a mulher, informado, disse que só iria encaçapar mais uma bola e depois iria embora, abraçando-a e dizendo: “Daqui a pouco o povo chega por aqui”. Segundo a testemunha, logo depois dessa breve conversa, os dois indivíduos chegaram e mataram Mateus. “Era como se ele soubesse que essas pessoas viriam atrás dele”, observou a testemunha, cuja identidade está sendo preservada.

Um comentário em “Mistério ronda execução em bar no Bairro da Paz

  1. Manoel Santana Responder

    A Bíblia nos fala no livro de João 10:10 o ladrão veio para matar roubar e destruir mas Deus veio para dar vida e vida com abundância que Deus possa dar muitas vidas esses jovens estão se destruindo Deus misericórdia

Deixe seu comentário