Marabá: Acusado usa carro da mãe em assalto e acaba preso

Rarison Araújo já tinha várias passagens pela polícia, por roubo, furto e receptação. Agora ele aprontou de novo e já está à disposição do sistema penal.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O final de semana foi agitado em Marabá. Policiais civis prenderam Rarison da Silva Araújo em flagrante por assalto. Rarison mora na Nova Marabá e fez um assalto na Cidade Nova, mas acabou descoberto porque, na ação criminosa, usou o carro da mãe dele, quando placa foi anotada por uma das vítimas.

O assalto foi praticado em uma revenda de açaí, onde a vítima informou à polícia que conseguiu ver a placa do carro. Com essa informação os policiais diligenciaram nos sistemas de informações e descobriram em nome de quem estava o veículo. Foram até a casa da mulher e lá descobriram que ela é mãe do acusado. Mas ela disse que não sabia do paradeiro do carro e muito menos do filho.

O passo seguinte foi descobrir o perfil do acusado em uma rede social. Feito isso, a foto dele foi enviada para a vítima, que reconheceu a pessoa de Rarison como sendo o autor do roubo citado. De posse de mais essa informação a equipe da 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil verificou que havia um registro anterior de Rarison por furto, onde ele havia indicado o endereço na Folha 33, Nova Marabá.

Os policiais seguiram até o endereço onde foi localizado o veículo e também Rarison, o qual foi conduzido até a Seccional, onde a vítima o reconheceu novamente.

Levado a audiência de custódia, o Poder Judiciário converteu o flagrante em prisão preventiva. O assalto e toda a ação policial começaram ainda na sexta-feira (15), terminaram no sábado (16), até que ontem (17), Rarison foi encaminhado ao sistema penal.

Publicidade