Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Parauapebas

Mais um dono de ferro-velho executado em Parauapebas

Douglas Gomes dos Santos foi assassinado na manhã desta terça-feira, com um tiro na cabeça, ao volante do carro dele

A Polícia Civil está investigando a execução do empresário do ramo de sucataria Douglas Gomes dos Santos e da tentativa de homicídio contra José Fernando Feitosa da Silva. O assassinato se deu na manhã desta terça-feira (14), quando ele estava parado na Estrada Faruk Salmen próximo a um hotel.

Ainda não se sabe as circunstâncias do crime, o que se levantou até o momento é que ele levou um único tiro na cabeça, quando estava ao volante da caminhonete Toyota Hilux, na companhia do amigo Fernando, que também foi baleado, mas não morreu e está internado Pronto Socorro Municipal.

Populares comentavam que Douglas teria recebido uma ligação de uma pessoa marcando encontro no local onde foi eliminado. No bolso dele foi encontrado um carregador de pistola calibre ponto 40, munição exclusiva das foças policiais.

O crime ocorreu no plantão do delegado Felipe Oliveira, que, indagado se o assassinato pode ter alguma relação com a atividade comercial do morto, venda de ferro-velho, uma vez que vêm ocorrendo muitos roubos de veículos na cidade, disse que nada se pode afirmar, por enquanto, mas, lembrou que, recentemente outro dono de ferro-velho foi vítima de homicídio nas mesmas circunstâncias.

Veja também:  Cantor de Marabá preso acusado de estuprar menina de 12 anos

O assassinato a que o delegado se refere ocorreu em 15 de julho passado, quando Farildo Nogueira da Silva, conhecido como “Negão do Ferro Velho”, também sucateiro, foi executado com dois tiros no Bairro Jardim Tropical II.

Deixe uma resposta