Mais emprego e renda

Estado do Pará apresentou saldo positivo de contratações nos primeiros sete meses deste ano
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O Pará apresentou saldo positivo de contratações nos primeiros sete meses deste ano. Entre os municípios, Parauapebas teve 3.500 admissões a mais do que demissões. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados (CAGED). Um dos fatores que pode ter contribuído para este momento favorável são as obras do Salobo III, o projeto de expansão da operação de cobre Salobo, subsidiária da Vale, com mina em Marabá, sudeste paraense. Com o projeto de expansão, Salobo vai saltar a produção de 24 milhões para 36 milhões de toneladas por ano de minério a ser processado com a construção de uma terceira linha de beneficiamento.

O líder do projeto Salobo III, Plínio Tochetto explicou que a valorização de pessoas da região é um dos focos da empresa. “A gente sabe do nosso compromisso com o Estado e com a região. Acho que o primeiro compromisso é ser eficiente naquilo que a gente faz e outro grande compromisso é efetivamente estar absorvendo e dividindo com a população local e comunidades”, contou.

O aumento de empregos gerados no estado é um dos destaques do Balanço Vale+ Pará, que apresenta os principais investimentos da empresa no estado, no segundo trimestre de 2019.

Balanço Vale + Pará divulga investimentos do segundo trimestre de 2019

O relatório é trimestral e tem como objetivo apresentar as ações de comprometimento da empresa com o desenvolvimento sustentável das regiões onde atua.

Publicidade