Jovem executado com cinco tiros na noite de terça-feira (16) em Parauapebas

Dadá estava em liberdade condicional, após ter cumprido um ano de pena pelo crime de tráfico de drogas. O assassinato pode ter sido motivado pela guerra entre facções criminosas
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Wanderson do Perpétuo Socorro Silva, de 20 anos de idade, ex-presidiário, mais conhecido como Dadá, foi executado com cinco tiros, provavelmente de revólver, disparados por um indivíduo que chegou à casa dele em uma moto Yamaha Fazer, cor amarela, de placa não anotada, pilotada por um comparsa. O crime aconteceu por volta das 20h50, de ontem, terça-feira (16), na Vila Palmares Sul, zona rural de Parauapebas, distante cerca 12 quilômetros do centro da cidade. 

Informações que estão sendo investigadas pela equipe da Divisão de Homicídios (DHP), da 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil, dão conta que Wanderson estava na porta de casa, na Rua Manaus, conversando com a namorada, quando foram surpreendidos pela dupla, ambos usando capacete. Sem falar nada, o da garupa efetuou dois tiros contra o jovem, atingido à altura das costelas, do lado esquerdo do corpo. Wanderson ainda ocorreu por dois quarteirões, mas foi alcançado pelos assassinos e baleado mais três vezes, uma em um dos olhos, outra na boca e uma terceira na têmpora.

Mesmo baleado, Wanderson Silva ainda levantou, sentou no meio fio e encostou as costas na cerca de uma residência localizada na Rua Ulisses Guimarães, entre as ruas Palmas e Natal. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado, mas, ao chegarem, os socorristas nada puderam fazer, o rapaz já estava morto.

Segundo a polícia, Wanderson chegou a cumprir um ano de pena pelo crime de tráfico de droga e há pouco tempo estava em liberdade condicional. Uma das hipóteses levantadas pela Polícia Civil para o assassinato é de que ele, que pertencia a uma facção criminosa, tenha sido vítima de membros de outro grupo de criminosos.

(Caetano Silva)