Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Capa

Handebol de Parauapebas representará o Pará nos Jogos Nacionais da Juventude

Após participar dos Jogos Interescolares de Parauapebas (Jips), sendo tricampeão nesta competição, como também nos Jogos Estudantis Paraense (Jeps), o time de handebol da escola Fernando Pessoa vai representar o Pará nos Jogos Nacionais da Juventude, em Manaus, competição que se inicia amanhã, dia 19, e vai até o dia 24.

“A expectativa é muito boa, por já termos conquistamos dois terceiros lugares, um na Paraíba e outro em Curitiba. E este ano a gente sabe que dá pra chegar um pouquinho mais e até trazer um primeiro lugar para Parauapebas e Pará”, planeja Gentil Eduardo, treinador da equipe.

O trabalho foi iniciado no ano passado, por meio de ciclos, pois quando o aluno passa da idade de 14 anos é substituído por outros, que entram nesta faixa etária. Assim, os estudantes da Escola Municipal Fernando Pessoa, inclusos no Projeto HandPebas, tem competido Brasil afora, o que traz melhoria para os adolescentes, que por sua vez só tecem elogios. “É algo muito importante para a educação da gente, pois antes de conhecer o handebol, eu era um aluno muito inquieto. Depois que entrei no projeto, fiquei mais educado e até passei a respeitar mais meus pais e as pessoas”, confessa Vinícius Lima, goleiro da equipe.

Outro entusiasmado com o HandePebas é Francisco Gabriel, o qual revela ter encontrado no esporte foco para a vida. “Eu era um garoto muito atentado. E hoje estou mudando com as orientações do professor e a prática esportiva”, testemunha Francisco Gabriel.

O HandePebas é um projeto da Secretaria Municipal de Educação em parceria com a SEMEL (Secretaria Municipal de Esportes), tendo toda a atenção do secretário municipal de Educação, Raimundo Neto, que sempre acompanha de perto a modalidade e o projeto. “Vejo a inserção do esporte na educação como uma matéria a mais. Importante para que as crianças e jovens aprendam a conviver em equipe. Assim, quando estiverem trabalhando em empresa ou gerenciando uma equipe, terão excelente noção por já terem feito o mesmo em competições esportiva”, avalia o secretário Raimundo Neto.

Deixe uma resposta