Fiscalização flagra pessoas sem máscara e infrações no trânsito

A operação bloqueio realizada pela PM e Settran foi retomada em Canaã para coibir aglomerações
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Policiais Militares e agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte de Canaã dos Carajás seguem com a operação bloqueio nas ruas para fiscalizar o cumprimento do decreto municipal de enfrentamento à covid-19. Durante abordagem foram flagrados condutores sem o uso de máscaras de proteção, além das infrações de trânsito.

De acordo com a Settran, as infrações mais comuns foram os motociclistas sem o capacete, os condutores sem o cinto de segurança e a utilização de celulares enquanto dirigiam.  De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, quem for flagrado falando ao celular ou mesmo manuseando o aparelho enquanto está no trânsito, estará cometendo infração gravíssima. O valor da multa é de R$ 293,47, podendo chegar a R$17.608,20 (dependendo do risco gerado à segurança do trânsito), além de acarretar a perda de sete pontos na CNH. A Secretaria não informou quantas multas foram aplicadas durante os dois dias de operação.

Sobre a fiscalização do cumprimento do decreto municipal, a Polícia Militar informou que ainda existem pessoas que insistem circular pela cidade sem o uso da máscara. A PM reforça que é obrigatório o uso de máscara mesmo dentro dos veículos.

No comércio não houve nenhuma ocorrência registrada. Os estabelecimentos adotaram medidas de segurança para evitar o contágio do novo coronavírus, como oferecer água e sabão ou álcool 70. Também estabeleceram marcações nos locais de atendimento, para manter o distanciamento entre os clientes. A fiscalização deve seguir até o fim de semana