Estrada da Rio Branco, em Parauapebas, será pavimentada em 2022

Licitação da Segov está marcada para segunda semana de janeiro e orçada em quase R$ 14,5 milhões. Outras vicinais importantes da zona rural também vão ganhar pavimentação asfáltica
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O fim da espera está próximo. Moradores da região da colônia Rio Branco, na zona rural de Parauapebas, devem ver asfalto na estrada no ano que vem. A administração de Darci Lermen marcou para 12 de janeiro a abertura das propostas comerciais para pavimentação de uma das principais estradas vicinais para escoamento da produção agrícola do município. A obra, uma das mais esperadas pela população camponesa, tem custo estimado em R$ 14,41 milhões.

As informações foram levantadas pelo Blog do Zé Dudu, que acessou o edital de 165 páginas publicado pela Secretaria Especial de Governo (Segov). A iniciativa busca asfaltar 9,1 quilômetros de estrada e levar qualidade de vida à população camponesa, estimada em cerca de 20 mil cidadãos.

De acordo com a Segov, a obra vai atender a um pedido antigo da comunidade da região do Rio Branco, que sempre clamou por infraestrutura e segurança. O titular da secretaria, Keniston Braga, destaca que a pavimentação da vicinal vai garantir que os colonos movimentem mercadorias e serviços do campo a cidade, e vice-versa, com mais agilidade.

E Braga tem razão. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a agropecuária de Parauapebas, baseada na economia rural, movimentou em 2020 cerca de R$ 128,62 milhões, R$ 2 milhões a mais em relação a 2019. No ano da pandemia, a produção do campo parauapebense apresentou crescimento e, no comparativo com dez anos atrás, disparou impressionantes 363%.

As principais commodities agrícolas assinadas por Parauapebas são mandioca, banana, melancia, milho e mamão, cuja produção e comercialização supera R$ 5 milhões por ano. O município produz e comercializa outros 13 produtos agrícolas de grande apelo na sociedade.

Mais estradas rurais

A pavimentação da Rio Branco é uma das iniciativas na área de infraestrutura rural que constam do Programa Municipal de Investimentos (PMI), sob a batuta da Segov. Além dela, vão ser asfaltadas as vicinais entre as vilas Carimã e Conquista; entre a vila Paulo Fonteles e o Garimpo das Pedras; e entre as vilas Palmares 2 e Três Voltas.

Keniston Braga explica que o PMI abrange ainda áreas como desenvolvimento socioeconômico e sustentável; mobilidade urbana e ordenamento territorial; habitação de interesse social; modernização da máquina pública; desenvolvimento tecnológico e educacional; e qualificação e incentivo para mulheres.

“É um programa basilar para o crescimento e o desenvolvimento do município, levando-se em consideração aspectos como sustentabilidade, transparência, economicidade, eficiência e consciência ambiental, sempre focando no bem maior, que é a vida, e o bem-estar de todos os parauapebenses”, ressalta o secretário.

2 comentários em “Estrada da Rio Branco, em Parauapebas, será pavimentada em 2022

  1. Miqueias Responder

    Faltou a estrada do PA Araçatuba…com intuito de beneficiar os moradores e o lazer,tendo em vista o grande fuxo para famosa cachoeira do tapete verde… paciência ‍prearia a estrada de lá

  2. Pingback: Estrada da Rio Branco, em Parauapebas, será pavimentada em 2022 » Blog do Keniston

Deixe seu comentário

Posts relacionados

%d blogueiros gostam disto: