Comissão discute recuperação de ruas e mobilidade para complexo Liberdade

Vereadora Eliene e secretário Wanterlor andaram pelo bairro, conversaram com moradores e constataram problemas daquela comunidade, que é mais populosa que 85 cidades do Pará.
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

As chuvas do inverno rigoroso deixaram um estrago nas ruas que se entrecruzam pelos quase 150 quarteirões do complexo Liberdade, onde se espalham os bairros Liberdade 1 e 2 e no qual residem aproximadamente 19 mil habitantes, sendo essa comunidade a terceira mais populosa da área urbana de Parauapebas, atrás apenas do Bairro da Paz, com seus 23 mil habitantes, e Rio Verde, com 22 mil.

A deterioração das vias públicas levou a vereadora Eliene Soares, moradora do bairro, a se reunir com o secretário municipal de Obras, Wanterlor Bandeira, na tarde da última segunda-feira (22) para, juntos, discutirem medidas que possam garantir a melhoria da circulação de veículos e pessoas pelo bairro, que, segundo levantamento da assessoria da parlamentar, tem mais moradores que 85 cidades paraenses.

Eliene e Wanterlor percorreram diversas ruas do complexo, conversaram com populares e constataram a situação precária dos logradouros, alguns dos quais sem drenagem e sem pavimentação, com matagal tomando conta e propício à habitação de animais peçonhentos. O titular da Secretaria Municipal de Obras (Semob) destacou o esforço que está fazendo para acelerar processos licitatórios que vão contemplar Parauapebas com serviços de infraestrutura de qualidade.

A Semob vai abrir diversas frentes de trabalho de recuperação de vias em todos os bairros da área urbana, mas no Liberdade apenas 12 ruas foram previamente indicadas na licitação. O edital do processo 2/2019-001Semob, checado pelo Blog e inclusive alvo de reportagem aqui (https://www.zedudu.com.br/secretaria-de-obras-vai-aplicar-r-41-mi-em-megaoperacao-tapa-buraco-em-parauapebas/), prevê recuperação apenas nas avenidas Pernambuco e Piauí mais as ruas Belo Horizonte, Espírito Santo, Estrela D’Alva, Gonçalves Dias, Macapá, Maranhão, Teotônio Vilela, Tocantins, Sergipe e Vinícius de Moraes.

“Como são muitas vias públicas que precisam de melhorias, nossa Diretoria de Infraestrutura registrou e priorizou aquelas que estão em situação mais crítica. Ainda assim, nossa intenção é levar infraestrutura a todas as vias urbanas que precisarem de serviços”, esclarece o secretário Wanterlor, demonstrando disposição em resolver a situação.

Complexo Liberdade

Horas antes do encontro com representante da Semob, a vereadora Eliene Soares preparou uma indicação para apresentar em plenário na sessão desta terça (23) e que, aliás, foi aprovada. Ela solicita à prefeitura a expansão dos serviços de infraestrutura do pacote licitatório para mais ruas — e não apenas às 12 mencionadas pelo edital. Eliene reforçou o pedido pessoalmente a Wanterlor Bandeira.

No texto, a parlamentar salienta que o complexo Liberdade tem vida comercial ativa, com supermercados, mercearias, bares, escolas, postos de saúde, igrejas, posto de combustível, feira comunitária, estádio e, por isso, precisa de vias públicas em bom estado de conservação para garantir a fluidez do trânsito e circulação das pessoas. “O Liberdade cresceu muito nos últimos anos e se tornou uma minicidade dentro de Parauapebas. Temos mais habitantes aqui do que nas cidades de Curionópolis e de Eldorado do Carajás. E essas pessoas precisam de serviços essenciais e do olhar de carinho do poder público.”

A visita foi bem avaliada por moradores do bairro. Maria José Oliveira, da Rua Cora Coralina, diz que a presença de representantes da Câmara e da Prefeitura sinaliza que os trabalhos vão começar para valer. Ela sugere, inclusive, que as visitas das autoridades sejam mais frequentes e lembra que os buracos na esquina de sua casa causam transtornos e acidentes. “Outro dia, um motoqueiro caiu no buraco e se machucou. Espero que, quando a chuva passar e entrar o verão, os serviços cheguem, inclusive aqui [na Cora Coralina].”

Oportunamente, a Secretaria Municipal de Obras vai divulgar um calendário com os serviços pelos bairros de Parauapebas.

Relacionados