Parauapebas

Comerciantes de Parauapebas fecharam as portas em protesto

  As lojas da principal rua comercial  fecharam mais cedo, o empresário foi assassinado na última terça-feira, 4 enquanto trabalhava.Comerciantes de Parauapebas, no sudeste do Pará, fizeram um protesto na …

 

As lojas da principal rua comercial  fecharam mais cedo, o empresário foi assassinado na última terça-feira, 4 enquanto trabalhava.Comerciantes de Parauapebas, no sudeste do Pará, fizeram um protesto na última quinta-feira (6) contra a morte de um colega da categoria. As lojas da principal rua comercial da cidade fecharam as portas mais cedo. Muitas exibiram faixas em sinal de luto pela morte de José Gilberto da Silva.

O empresário do ramo da construção civil foi assassinado na última terça-feira (4) enquanto trabalhava. Três homens armados invadiram a loja da família e anunciaram o assalto. Ele reagiu e foi atingido com um tiro na cabeça.

Um dos bandidos morreu em perseguição policial. Os outros dois ainda não foram capturados.

Um comentário em “Comerciantes de Parauapebas fecharam as portas em protesto

  1. katia Pereira Responder

    Cadê a segurança publica, prometida pelo governador Jatene, durante a campanha eleitoral. Agora percebemos que foi tudo lorotice.

Deixe seu comentário