Com o gol do atacante Monga, Parauapebas arrancou um empate precioso contra o Independente no Navegantão

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Independente e Parauapebas ficaram no empate em 1 a 1, neste domingo (04), no Estádio Municipal Antônio Dias, o Navegantão, em Tucuruí, partida válida pela oitava rodada do Campeonato Paraense de 2018. O Galo Elétrico abriu o marcador com o gol do lateral-direito Léo Rosa, em cobrança de falta, aos 38 minutos do 1º tempo.  Na segunda etapa, o PFC reagiu e igualou o placar com o gol de cabeça do atacante Monga, aos 23 minutos.

Com o resultado, as duas equipes seguiram em suas posições na classificação do Campeonato Paraense. O Independente é o terceiro colocado na Chave A1 com 13 pontos, enquanto que o Parauapebas segue em quinto lugar, sendo o lanterna da Chave A2 com 7 pontos.

As duas equipes voltam a campo pela nona rodada no próximo sábado (10). O Independente encara o São Raimundo, às 17h, no Estádio Navegantão, enquanto que o Parauapebas recebe o Águia de Marabá, às 20h, no Estádio Rosenão.

O jogo – tudo igual: 1 a 1

A duas equipes entraram em campo buscando somente a vitória. O Independente sonhando com uma vaga na semifinal e o Parauapebas tentando escapar do rebaixamento. Logo no início, o atacante Betinho do Galo Elétrico foi agarrado na área e o árbitro mandou seguir o jogo. Ray Gol mandou um chute na área, o atacante Betinho desviou e quase abriu o placar para os donos da casa.

Só dava Independente e depois de uma sobra de bola, Mocajuba soltou o pé de fora da área, e quase surpreendeu o goleiro Bruno. Após bate e rebate na área do PFC, a bola sobrou para Thayson, que emendou errado e perdeu a chance do Galo Elétrico. Os visitantes finalmente chegaram, com um chutaço de Luiz Fernando, o goleiro Dida soltou e o atacante Monga não conseguiu pegar a sobra.

Em uma falta de muito longe, Luiz Fernando cobrou e quase surpreendeu o goleiro Dida, a bola pegou uma curva e passou assustando. Em um lance dentro da área, o atacante Betinho se enroscou com o zagueiro Cris, a turma do Independente pediu pênalti, mas o árbitro José Magno Teixeira do Nascimento mandou seguir o jogo. De tanto insistir o Galo Elétrico chegou ao gol. Na cobrança de falta frontal, Léo Rosa cobrou por baixo da barreira e matou o goleiro Bruno, 1 a 0, aos 38 minutos, festa no Estádio Navegantão.

Antes do final do primeiro tempo, Ray Gol arrancou e cruzou para o atacante Betinho, que sozinho conseguiu perder a chance de ampliar para o Independente. Na segunda etapa, após bola na área, Betinho subiu de cabeça e testou para fora. Léo Rosa disparou de fora da área, o goleiro Bruno soltou e o zagueiro Cris afastou o perigo que rondava a meta do PFC. Wegno recebeu uma bola e quando todo mundo esperava cruzamento na área, o atacante bateu direto para gol e quase enganou o goleiro Bruno.

Pela direita, Léo Rosa jogou na área e Fabrício tentou marcar um belo gol, perdendo uma chance incrível. O Parauapebas tentou o empate com Léo Paraíba, mas o chute saiu torto e se perdeu pela linha de fundo. O PFC chegou ao empate. Após escanteio, a zaga cortou para frente, Gilberto pegou a sobra e cruzou na área para o atacante Monga, que desviou de cabeça para o fundo do gol, 1 a 1, aos 23 minutos.

O Galo Elétrico sentiu o gol de empate. A torcida começou a ficar irritada com o time da casa. O Independente voltou a levantar bola na área, Betinho apareceu e tocou de cabeça para fora. O atacante Chaveirinho tentou marcar de longe e disparou forte, mas a bola foi pela linha de fundo. O PFC deu o troco na mesma moeda no chutaço de Luiz Fernando, o goleiro Dida salvou para escanteio.

O jogo foi dramático no finalzinho. Com lances perigosos para a aduas equipes. O Parauapebas pegou uma sobra e Rogério Maranhão entrou de cara com o goleiro Dida para virar o jogo, mas o arqueiro salvou o time da casa. Wellington Cabeça cobrou falta e bola explodiu no travessão do Galo Elétrico. Placar final: Independente 1 x 1 Parauapebas.

FICHA TÉCNICA

INDEPENDENTE: Dida; Léo Rosa, Charles, Hallyson e Mocajuba; Leandrinho, Thayson e Fabricio (Sheldon); Wegno (Alexandre), Ray Gol (Chaveirinho) e Betinho. Técnico: Júnior Amorim

PARAUAPEBAS: Bruno; Rodrigo (Djalma), Cris, Lucas e Juninho; Gilberto, Wellington Cabeça, Evandro (Rogério Maranhão) e Luiz Fernando; Monga (Marques) e Léo Paraíba. Técnico: Fran Costa

Árbitro: José Magno Teixeira do Nascimento – CBF

Assistentes: Rafael Bastos Cardoso – CBF e Milton do Socorro Alves de Souza

Quarto-árbitro: Gleidyson Eron dos Santos

Cartões amarelos: Leandrinho, Charles e Wegno (Independente); Luiz Fernando (Parauapebas)

Gols: Léo Rosa, aos 38 minutos do 1º tempo para o Independente; Monga, aos 23 minutos do 2º tempo para o Parauapebas.

Local: Estádio Municipal Antônio Dias, o Navegantão, em Tucuruí

Resultados da 8ª rodada

São Raimundo 1 x 2 Paysandu

Bragantino 2 x 2 Paragominas

Cametá 3 x 4 Castanhal

Águia 0 x 1 Remo

Independente  1 x 1 Parauapebas

Classificação do Parazão 2018

Chave A1

1° Paysandu: 19 pontos

2° Bragantino: 13 pontos

3° Independente: 13 pontos

4° Águia: 7 pontos

5° Cametá: 4 pontos

Chave A2

1° Remo: 16 pontos

2° São Raimundo: 13 pontos

3° Castanhal: 10 pontos

4° Paragominas: 7 pontos

5° Parauapebas: 7 pontos

Por Fábio Relvas
Foto: Carlos Campos