Atleta de MMA, Elson Jackson, da cidade de Parauapebas, segue internado em estado grave

Conhecido como “Coreano”, deverá passar por cirurgias após sofrer acidente de carro
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O atleta de MMA, Elson Jackson, conhecido no meio do esporte como “Coreano”, de 25 anos, segue internado no Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência, em Ananindeua (PA), aguardando por cirurgia. O lutador sofreu um grave acidente na noite do último domingo (18), quando estava voltando de uma praia em Marabá e o carro em que estava caiu em um abismo na cidade de Eldorado dos Carajás.

Na ocasião do acidente, um dos passageiros veio a falecer e além de Coreano, que também estava como carona, mais duas pessoas ficaram feridas. Logo quando amigos e familiares do atleta de Parauapebas souberam do acidente, começou uma mobilização pelas redes sociais em prol a sua saúde, pedindo orações e qualquer quantia em dinheiro para poder transferir Elson Jackson. A princípio seriam recursos para ser transferido de UTI aérea, conhecida como transporte aeromédico, mas acabou indo de ambulância para a capital Belém.

Logo após o acidente, Coreano foi levado para a o Hospital de Eldorado dos Carajás, onde foi cuidado pela equipe do enfermeiro Cícero Muniz de Almeida, que deu toda a atenção para o atleta, antes de ser transferido para Parauapebas. Devido a demora de locomoção para Belém, que aconteceu somente no início da tarde desta terça-feira (20), o estado de saúde de Elson Jackson se agravou, ele teve vários traumas na região da cabeça.

Os médicos fizeram vários exames em Coreano na manhã desta quarta-feira (21), e avisaram para a sua madrinha, dona Cinete Silva, que o estado de saúde é grave, e que poderá realizar diversas cirurgias, a princípio são três: uma na cabeça, uma no nariz e uma na barriga. O atleta de MMA estava se preparando para um desafio na cidade de Breu Branco, no mês de setembro, sendo treinado pelo professor Orlando do Boxe.

“Ele está desde o meio dia na sala de cirurgia, porque ela vai fazer três tipos de cirurgia e não vai ser tão rápido. Temos que ter paciência, esperar notícia e pedir a Deus que dê tudo certo. A cirurgia não será fácil e tem que dar um tempo para saber como a pessoa reage. Eu estou esperando notícias do Jackson aqui no hospital”, afirmou Cinete Silva, madrinha de Coreano, que viajou para Belém para acompanhar o procedimento cirúrgico.

Por Fábio Relvas / Foto: Arquivo Pessoal