VÍDEO: Guarnição da PM salva da morte criança de dois meses em Parauapebas

João Henrique, de dois meses de idade, estava engasgado e parou de respirar. A mãe, desesperada, já dava o bebê como morto
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Era por volta das 22h30 de ontem, sexta-feira (22), quando a guarnição policial militar formada pelo cabo Muller e pelos soldados Nascimento e Evangelista, do 23º BPM, de Parauapebas, em rondas pelo Bairro Cidade Jardim, passava pela Avenida Buritis. Em frente a um comércio de madeiras, uma cena chamou a atenção dos policiais: a mulher Dina Pereira de Sousa, 33 anos, desesperada e com um bebê de dois meses no colo, gritava por socorro, pois a criança, engasgada, parou de respirar e já estava ficando roxa.

Imediatamente, a guarnição parou o veículo policial e saiu em socorro à mulher e à criança. O cabo Muller tomou o bebê nos braços, o colocou de bruços, o segurou pelo peito, e passou a bater nas costas dele com a mão aberta, em pancadas leves e ritmadas.

Como a criança, chamada João Henrique Pereira Marques, não reagisse logo, Dina de Sousa desesperou-se mais ainda e gritava “moço, pelo amor de Deus, ele tá morto”. Os outros dois policiais trataram de acalmá-la e, em menos de 30 segundos, a técnica de reanimação para esse tipo de situação funcionou e o bebê voltou a respirar.

João Henrique foi entregue ao pai, Jhonatan Pereira Marques, 30 anos, que estava mais calmo e o casal foi aconselhado a levar a criança imediatamente a um hospital.

(Caetano Silva)

VEJA O VÍDEO DO SALVAMENTO