Valor do seguro-desemprego é reajustado. Em Parauapebas beneficiários avaliam como justo o aumento

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Perguntas-e-dúvidas-frequentes-sobre-seguro-desempregoO Ministério do Trabalho e Previdência Social anunciou o reajuste do beneficio do seguro-desemprego. Quem sacou o valor do seguro, a partir da última terça feira (12), já recebeu o valor do benefício atualizado conforme a nova tabela. A mudança tem como base o novo salário mínimo com o valor de R$ 880 e o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Pela nova medida, os reajustes das faixas salariais acima do salário mínimo seguem a variação do INPC, de 11,28%, sendo que o valor não pode ser inferior a R$ 880 e a parcela máxima passou para R$ 1.542,24.

Em Parauapebas, as pessoas que perderam seus empregos ainda no ano de 2015 acreditam que o reajuste no valor é mais que justo já que os preços dos produtos da cesta básica, gás de cozinha, entre outros, também aumentaram.

“Fiquei desempregada em dezembro e o valor do seguro-desemprego vai me ajudar enquanto procuro outro trabalho. É muito bom saber que o aumento também chegou ao seguro, pois tudo aumentou nos últimos anos”, declarou a vendedora de automóvel, Vânia Medeiros, que deu entrada no benefício nesta quarta-feira (13).

Recebem o seguro-desemprego trabalhadores demitidos com um tempo mínimo de 18 meses em uma mesma empresa, podendo, neste caso, receber de três a cinco parcelas do benefício. Como é o caso de Roberto Lima, que trabalhou como auxiliar administrativo durante 4 anos em uma empresa de manutenção. “Gostei da notícia do aumento no valor do seguro, pois são tantas as despesas que temos que pagar, agora na situação de desempregado o seguro com certeza vai ser uma boa ajuda”, comentou.  

Segundo a coordenação do SINE Parauapebas, cerca de 70 pessoas por dia procuram o serviço de seguro-desemprego no órgão. Desde o início de janeiro até hoje (13), foram registrados 634 entradas no benefício.